Amy Winehouse manda detetive seguir o ex-marido

Cantora quer provas para não precisar pagar a fortuna que Blake Fielder-Civil exigiu

Redação iG Música |

De acordo com o colunista Dan Wootton, do website britânico News of the World , a cantora Amy Winehouse contratou um detetive particular para seguir seu ex-marido, Blake Fielder-Civil.

O motivo para isso seria o pedido de £6 milhões (aproximadamente R$18 milhões) que o rapaz teria feito, alegando ser merecedor da fortuna por conta de todos os problemas que sofreu ao lado da artista.

Em sua última aparição pública o ex-marido de Amy disse que a cantora quase morreu em seus braços após três dias de festa, drogas e álcool.

Agora, a cantora quer usar o comportamento do ex-marido como motivo para não pagar a quantia durante o processo de divórcio - Blake passou um tempo na prisão após ser acusado de agressão em um bar em 2006, por exemplo.

"A família de Amy tem gravações de tudo o que Blake fez para machucá-la e já contrataram um detetive particular", disse uma fonte ao colunista.

A nota ainda diz que Amy não quer dar a Blake um centavo sequer, mas que apesar de odiá-lo, também não pretende deixá-lo na sarjeta.

    Leia tudo sobre: amy winehousedivorciodivórcio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG