Aguilera se atrapalha com o hino nacional na final do Super Bowl

Cantora culpou emoção por erro na letra em apresentação neste domingo

iG São Paulo, com Reuters |

Getty Images
Christina Aguilera durante a apresentação no Super Bowl, em Dallas
Christina Aguilera se atrapalhou ao cantar o hino nacional dos Estados Unidos, mas pelo menos não houve problemas com sua roupa durante as apresentações do Super Bowl, a final do campeonato de futebol americano entre o Green Bay Packers e o Pittsburgh Steelers, no domingo, 6. O Packer foi o vencedor

A vencedora do Grammy errou a letra em sua interpretação do "The Star-Spangled Banner" (A Bandeira Estrelada, o hino nacional dos Estados Unidos), antes do jogo entre os Pittsburgh Steelers e os Green Bay Packers.

Ao invés de "O'er the ramparts we watched were so gallantly streaming?", ela disse "What so proudly we watched at the twilight's last gleaming?", uma variação do verso que ela já havia cantado.

Em entrevista ao site JustJared, Aguilera disse que se emocionou tanto ao cantar o hino que acabou cometendo o erro. "Só espero que todos tenham sentido meu amor pelo país e que o verdadeiro significado do hino tenha sido passado", declarou.

Ela foi levemente criticada na Internet e nas redes sociais, mas não houve um escândalo semelhante àquele provocado quando Janet Jackson mostrou um seio após um "defeito de vestimenta" no Super Bowl de 2004. Depois disso, os organizadores ficaram mais cuidadosos.

A principal atração deste ano foi o Black Eyed Peas, grupo que fez uma entrada espetacular, descendo do telhado do Cowboys Stadium. A banda de hip-hop apresentou uma série de seus sucessos, incluindo "I Gotta Feeling", "Boom Boom Pow", "Where Is the Love?", antes de receber no mesmo palco Slash e Usher.

Cerca de 100 mil pessoas lotaram o estádio para ver o jogo e os shows e estimava-se que 100 milhões assistiam pela televisão.

    Leia tudo sobre: músicachristina aguilerasuper bowl

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG