Adele resiste à "onda Whitney" e mantém liderança na Billboard

Álbum "21" chega à 22ª semana no topo da parada Billboard 200, totabilizando mais de 7,6 milhões de cópias vendidas

Reuters |

O lançamento de três álbuns póstumos aproveitando a comoção pela morte de Whitney Houston não bastou para desbancar Adele do topo da lista Billboard 200. A cantora britânica chega agora à 22ª semana no número 1 com seu premiado trabalho "21".

Siga o iG Cultura no Twitter

Desde o lançamento nos Estados Unidos, em fevereiro de 2011, o álbum vendeu mais de 7,6 milhões de cópias, sendo 296 mil na semana passada. O último disco a passar 22 semanas no topo da Bilboard 200 foi "Purple Rain", de Prince, em 1984/85.

A maior novidade da nova lista é "Some Nights", álbum de estreia da banda de pop-alternativo Fun, que vendeu 69 mil cópias na sua primeira semana e ficou em terceiro lugar.

A banda também lidera a parada de canções digitais, com "We Are Young", que tem participação de Janelle Monae e foi ouvida em uma propaganda da Chevrolet durante o Superbowl deste ano.

Uma compilação de sucessos de Whitney, que morreu em 11 de fevereiro num hotel da Califórnia, ficou em segundo lugar com 173 mil cópias. A trilha sonora de "O Guarda-Costas", com o sucesso "I Will Always Love You", ficou em sexto (46 mil unidades), e um disco com o nome da artista ficou em nono (29 mil).

Já as vendas digitais de canções dela tiveram queda, e nenhuma apareceu nesta semana entre as 10 principais.

    Leia tudo sobre: adelewhitney houstonmúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG