Depois da Copa, capitão da seleção dos Estados Unidos vai lançar disco de rap

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Clint Dempsey prepara uma estreia musical com um álbum de 13 faixas após o Mundial; Ouça o single "It's Poppin'"

Assim que concluir sua participação na Copa do Mundo de 2014, Clint Dempsey, que é capitão da seleção dos Estados Unidos, planeja uma estreia artística. O jogador de 31 anos gravou um disco de rap, chamado "The Redux", em parceria com o rapper XO. As informações são do Wall Street Journal.

Primeira participação de Dempsey em Copas do Mundo foi em 2006, na Alemanha, quando ele tinha 23 anos. Foto: Getty ImagesClint Dempsey, capitão da seleção dos Estados Unidos, conversa com a imprensa na chegada a São Paulo. Foto: Reprodução/TwitterClint Dempsey comemora após fazer 1 a 0 para os EUA. Foto: Getty ImagesClint Dempsey comemora o gol aos 28 segundos do primeiro tempo contra Gana. Foto: Ricardo Mazalan/AP

Antes de vir para a Copa, o capitão passou duas semanas gravando as 13 faixas do disco sob o nome artístico "Deuce". As rimas de suas músicas falam sobre sua carreira no futebol profissional, citando experiências como "marcar gols" e ser o "capitão América".

Vale destacar que Dempsey marcou o gol mais rápido no Mundial até o momento, aos 28 segundos do primeiro tempo, em partida contra Gana na Arena das Dunas, na última segunda-feira (16).

O primeiro single, "It's Poppin'", foi disponibilizado na quarta-feira (18). Ouça abaixo.

Siga o iG Cultura no Twitter

Antes de começar a jogar profissionalmente, Dempsey já gostava de fazer rimas. Tanto que quando um de seus patrocinadores soube que o jogador tinha essa habilidade, pediu para que fizesse um rap, a faixa “Don’t tread”, que tocou durante a Copa da Alemanha em 2006.

O rapper XO, parceiro de composição de Dempsey, ajudou a manter em segredo as gravações do disco antes da Copa, apenas como estratégia para evitar que as pessoas achassem que ele estava se distraindo do futebol, algo que continua a ser sua prioridade.

"The Redux" será dedicado ao amigo e rapper Big Hawk, que morreu em 2006, e à Jennifer, irmã do jogador, que morreu de aneurisma cerebral aos 16 anos. Uma parcela das vendas do disco irão para a instituição East Texas Food Bank.

O próximo jogo dos Estados Unidos será no domingo (22), às 19h, contra a seleção de Portugal, na Arena da Amazônia, em Manaus.

Leia tudo sobre: discorapmúsicaClint Dempsey

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas