MC Garden lança funk de protesto sobre a Copa do Mundo; Leia entrevista

Por Susan Souza , iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Com clipe dirigido por Kondzilla, "Gol do Adversário" tem letra que critica os gastos da realização do Mundial no Brasil

"Eu gosto de futebol, o problema são as patifarias com o dinheiro público, essa parada de a FIFA ficar mandando no Brasil. Resolvemos falar sobre isso porque o assunto está aí, mas o povo ficou anestesiado novamente", diz MC Garden ao iG.

MC Garden. Foto: Reprodução/FacebookMC Garden. Foto: DivulgaçãoMC Garden. Foto: Reprodução/FacebookMC Garden. Foto: Reprodução/FacebookMC Garden. Foto: Reprodução/FacebookMC Garden. Foto: Reprodução/Facebook

Atualmente, o MC trabalha a divulgação da música "Gol do Adversário", que é um funk paulista da vertente consciente (também chamado de funk realidade), oposto ao funk ostentação em relação às letras. A produção da faixa é do DJ Cuco.

Leia mais: Novas canções do funk abordam temas como manifestações e aborto

O clipe foi dirigido por Kondzilla, especialista em produzir vídeos de funk, e há muitas imagens captadas durante confrontos entre polícia militar e manifestantes nos protestos que tomaram o País, em junho de 2013.

Quando perguntado sobre uma possível vitória do Brasil no Mundial, Garden se posiciona de modo coerente à sua música. "Se o Brasil ganhar, o pessoal vai continuar da mesma forma, o sistema vai ficar do jeito que está e o povo, acomadado. Infelizmente, o brasileiro tem a memória curta. Tô torcendo contra."

Siga o iG Cultura no Twitter

MC Garden está envolvido em mais trabalhos de funk consciente. Uma das músicas que planeja lançar em breve discute a questão do aborto. A outra fala sobre a recuperação de viciados em crack. Embora seja uma música de funk, Garden avisa que essa "será diferente", com a participação da pianista Juliana D'Agostini.

"Gravamos na Cracolândia, colocamos o piano em frente à Sala São Paulo. A intenção é mostrar que o viciado em crack tem chance de recuparação, algo que as pessoas ignoram", explica. A mistura de funk com música clássica ainda não tem data para ser lançada.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas