Após brigas entre irmãos, banda Jesus and Mary Chain volta ao Brasil para shows

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Grupo escocês admirado por Renato Russo se apresenta em São Paulo neste domingo e no Rio, na terça-feira; saiba mais

Neste domingo (25), o grupo escocês The Jesus and The Mary Chain encerra a 18ª edição do festival Cultura Inglesa, que acontece em São Paulo, com entrada gratuita.

The Jesus and Mary Chain. Foto: DivulgaçãoThe Jesus and Mary Chain. Foto: DivulgaçãoThe Jesus and Mary Chain. Foto: DivulgaçãoThe Jesus and Mary Chain. Foto: Divulgação

O evento será no Memorial da América Latina e também terá shows do grupo inglês Los Campesinos! e da cantora brasileira Monique Maion, que interpreta o repertório de Amy Winehouse.

Fundado em 1983, o Jesus and Mary Chain passará também pelo Rio de Janeiro no dia 27, como atração do Vivo Open Air, após um período de 24 anos sem tocar na capital fluminense. Esta será a terceira vez do grupo no País. Em 2008, eles foram atração de um festival paulistano.

Uma curiosidade é que o Jesus and Mary Chain era uma das bandas que Renato Russo, da Legião Urbana, gostava. Tanto que o grupo fez uma versão acústica de "Head On", canção gravada pelos escoceses no disco "Automatic" (1989).

O segundo baterista do Jesus and Mary Chain foi Bobby Gillespie, vocalista e fundador do grupo de rock alternativo Primal Scream. Na época, Gillespie entrou para o grupo porque era amigo do primeiro baixista do Jesus, Douglas Hart.

Los Campesinos! ao iG: "Quando não estamos em turnê, temos empregos normais"

O cargo de baterista dentro do Jesus mudou muitas vezes. Brian Young é o 12º músico a ocupar esta função na banda.

O Jesus and Mary Chain passou por um período de pausa, em 1999, por causa da insustentável relação entre os irmãos Jim e William Reid. A trégua entre eles, em 2007, possibilitou o retorno do grupo, que não gravou mais nenhum disco desde então.

Siga o iG Cultura no Twitter

O show que marcou o retorno aconteceu no festival norte-americano Coachella, em janeiro de 2007. A atriz Scarlett Johansson juntou-se ao grupo para cantar a música "Just Like Honey", que foi tema de sua personagem no filme "Lost in Translation".

Desde 1983, quando começou, o Jesus and The Mary Chain lançou três discos que são considerados essenciais: "Psychocandy" (1985), "Darklands" (1987) e "Automatic" (1989).

Depois vieram "Honey's Dead" (1992), "Stoned & Dethroned" (1994) e "Munki" (1998), tendo sido este último um dos menos vendidos, além de ter sido feito sob brigas entre os irmãos - eles mal conseguiam se olhar durante as gravações. Um novo disco, ainda sem previsão de lançamento, estaria sendo planejado.

Atualmente apaziguados, Jim e William Reid trazem aos shows brasileiros um setlist que passará por suas músicas mais famosas, como "Head On", "Sidewalking", "Happy When It Rains", "Just Like Honey" e "Blues From a Gun".

No palco, os irmãos são acompanhados pelos músicos Phil King (baixo), Brian Young (bateria) e Mark Crozer (guitarra).

18º Festival Cultura Inglesa
Memorial da América Latina (av. Auro Soares de Moura Andrade, 664 - Barra Funda)
Domingo, 25 de maio
Atrações: The Jesus and Mary Chain, Los Campesinos, Monique Maion
Horário: 14h (início dos shows), abertura dos portões: 12h
Ingressos gratuitos podem ser solicitados pela internet (taxa de conveniência de R$ 5) ou pontos físicos (Teatro Gazeta, na av. Paulista, 900, de terça a domingo, das 14h às 20h e no estádio do Morumbi, bilheteria 4, na praça Roberto Gomes Pedrosa, s/nº, no Morumbi, de segunda a domingo, das 10h às 18h)

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas