Documentário sobre secretária dos Beatles é destaque do festival In-Edit

Por Susan Souza , iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

"Good Ol' Freda" mostra arquivos de mulher que trabalhou com a banda; "Mistaken For Strangers" retrata o grupo The National

Entre as opções de filmes da versão brasileira do In-Edit, festival internacional do documentário musical, que acontece em São Paulo até o domingo (11) e em Salvador de 12 a 18 de maio, o filme "Good Ol' Freda" pode ser considerado como um dos destaques.

Divulgação
Cena do documentário 'Good Ol' Freda'

Dirigido por Ryan White, o longa mostra a história pouco falada daquela que conhecia muito bem cada um dos Beatles, a secretária Freda Kelly. Aos 17 anos, Freda foi contratada pelo empresário Brian Epstein, famoso por ter acreditado no talento do grupo de Liverpool, para trabalhar em seu escritório.

"Good Ol' Freda" tem o depoimento raro e sincero da secretária pessoal da banda, para a qual ela trabalhou desde o começo, nos anos 1960, até a dissolução na década seguinte. Após o fim do grupo, Freda declinou convites para escrever livros ou dar entrevistas sobre sua vida ao lado dos Beatles, optando por cuidar da família e manter o trabalho de secretária até a atualidade.

O diretor convence a discreta Freda a abrir as caixas guardadas há 40 anos para revisitar o material do fã-clube oficial dos Beatles, do qual era responsável, abrir livros de autógrafos e recuperar fotografias que ajudam a ilustrar as memórias daquela que era considerada como um elo entre os Beatles, suas famílias e seus fãs do começo ao fim da beatlemania.

The National

O hiperativo, estabanado e emotivo Tom Berninger, irmão do cantor Matt Berninger, tem a oportunidade de fazer um documentário sobre a banda bem-sucedida do irmão mais velho, o grupo norte-americano The National.

Fã de heavy metal e de filmes de terror, "Mistaken for Strangers" é um desafio perturbador para Tom, que enfrenta dificuldades emocionais para superar o processo de retratar a carreira do irmão, aparentemente muito mais organizada e focada que a sua.

Tom capta bons momentos do grupo em bastidores dos shows, no ônibus da turnê e em eventos como o encontro com o presidente Barack Obama. No entanto, o diretor constantemente se envolve em questões emocionais com o irmão e sua equipe, além de agir como se fosse um dos protagonistas ao misturar seus depoimentos com os do grupo.

Raso em informações sobre a banda, mas cheio de momentos bem-humorados que abafam o aspecto sisudo e obscuro da banda, "Mistaken for Strangers" lembra um episódio de reality show em família. Ao final, é possível sentir a banda mais leve e próxima do público.

Uma curiosidade é que duas duplas de irmãos formam o National: Aaron (guitarra) e Bryce Dessner (guitarra) e Bryan (bateria) e Scott Devendorf (baixo). Reforçado por Matt e Tom, que são o foco do filme, ganha-se um retrato até então inédito das relações humanas dentro da banda.

Leia tudo sobre: in-editfilmedocumentários musicaismúsicacinemabeatlesthe nationalpulp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas