Ben Harper e Charlie Musselwhite tocam blues cheio de paixão no Rock in Rio 2013

Por Nina Ramos , iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Dupla fez show no palco Sunset nesta sexta-feira (20)

Esqueça o Ben Harper que dividiu os vocais de "Boa Sorte/Good Luck" com Vanessa da Matta. O Ben Harper que subiu ao Palco Sunset do Rock in Rio nesta sexta-feira (20) foi o apaixonado por blues e parceiro do mestre Charlie Musselwhite.

Aos 69 anos, Charlie ainda tem fôlego para tirar muito som de suas gaitas e vozeirão para roncar com blues de primeira qualidade. A maioria do público não sabia cantar uma só música da parceria de Harper e Musselwhite, que é resultado do CD "Get Up!", mas ficou hipnotizado pelo balanço sujo e cheio de paixão.

Saiba tudo sobre o Rock in Rio

Show de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: AgNewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: Foto Rio NewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: Foto Rio NewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: Foto Rio NewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: Foto Rio NewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: Foto Rio NewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: Foto Rio NewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: Foto Rio NewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: AgNewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: AgNewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: AgNewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: AgNewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: AgNewsShow de Ben Harper no Rock in Rio 2013. Foto: AgNews

A dupla entrou sem anúncio, falou pouco com a plateia (o máximo foi um "obrigado" de Harper e "como vocês estão essa noite?", de Charlie), e deu mais do que conta do recado. O que tinha todos os ares de show intimista tomava outra proporção quando as guitarras sujavam as caixas de som com, por exemplo, “I Don’t Believe a Word You Say”.

Além das gaitas de Musselwhite, Harper mostrou com destreza a sonoridade peculiar da steel guitar, que tocou sentado ao lado do parceiro. Ao contrário de muitas atrações que passaram pelo mesmo palco, o show da dupla não é para gritar, jogar a mão para o alto e pular. O público precisa se permitir viajar por 50 minutos para New Orleans curtir uma "blueseira" original.

"Eu gostaria de agradecer ao Rock in Rio. Obrigada. Também agradeço ao Bob Burnquist e sua família", disse Harper. Neste momento, o skatista brasileiro entrou no palco para abraçar o amigo. Os fãs, claro, não perderam a deixa e entoaram "Bob, Bob, Bob..." em coro.

"Homeless Child" foi outro título que agradou, principalmente pelo vocal, e como se não bastasse, o final foi especial. Um cover pesado de "When the Levee Breaks", do Led Zeppelin, fechou com chave de ouro um dos melhores encontros do Sunset.

Leia tudo sobre: rock in riomúsicaben harper

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas