Homens de cabelão lotaram o primeiro dia "pesado" do Rock in Rio; alguns fazem hidratação e até selagem

Para quem pensa que vaidade é algo restrito às mulheres, o público que foi ao Rock in Rio nesta quinta-feira (19), provou o contrário. Como não podia deixar de ser, o primeiro dia "pesado" de festival, com Metallica, Alice in Chains e Sepultura entre as atrações, reuniu muitos metaleiros de "cabelão" - e o  iG quis saber o que os donos de fios bem tratados faziam na hora de cuidar do "tesouro".

Saiba tudo sobre o Rock in Rio

Em frente ao palco Sunset, Danilo Rodrigues, de 26 anos, chamou a atenção da reportagem enquanto esperava pelo show de República, Roy Z e Dr. Sin ao lado da namorada, a também cabeluda Julia Saraiva, de 22 anos.

"Acho que não corto há uns oito anos. Mas não faço nada de especial, juro. Só lavo e passo pente", garantiu o rapaz. O iG duvidou e passou a bola para a namorada. "Pior que é verdade. Eu não corto há uns quatro anos, mas pinto e hidrato", disse Julia.

Quem também é adepto da hidratação é Paulo Vinicius, de 25 anos. Ele tem a sorte de ter uma namorada cabelereira, a jovem Aliasmyn Cipriano, de 22. "Ela que pode falar melhor o que faz comigo", disse ele.

"Eu lavo com shampoo normal, hidrato e faço selagem para reduzir o frizz", revelou Aliasmyn. E por que é quase obrigatório ter cabelão no rock? "Cara, é para representar. É o que diferencia o homem que curte rock and roll", opinou Paulo.

Renato Attianezi, de 24 anos, reforça a fala de Paulo. "Eu trabalho com música, e acaba que compõe no palco. E para mim é cômodo também, porque meu cabelo cresce muito rápido, então é bom para não ficar cortando toda hora", disse ele, que não passa tesoura nos fios há dois anos.

"Cuido, mas não fico de frescura. Nem condicionador eu passo", garantiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.