Kimbra vai relembrar Michael Jackson em parceria com o Olodum no Rock in Rio

Por Susan Souza , enviada especial ao Rio de Janeiro |

compartilhe

Tamanho do texto

A música "They Don't Care of Us" ganhará uma versão na voz da cantora neozelandesa com participação do grupo cultural que gravou um clipe com Michael, em 1996

Thom Kerr/Divulgação
Kimbra

Aos 23 anos e dona de um Grammy, a cantora Kimbra tem um desafio profissional inédito para vencer no Rock in Rio neste domingo (15): sincronizar seu canto pop à sonoridade do Olodum, bloco percussivo brasileiro em atividade desde 1979. A parceria poderá ser vista no palco Sunset às 17h30.

Circulando pelo Rio de Janeiro desde o domingo passado (dia 8) e postando nas redes sociais as fotos de sua visita à favela da Rocinha e de crianças que aparecem para cumprimentá-la, Kimbra parece feliz com a primeira visita ao País. "Rio, chegamos. Brasil, você é lindo", escreveu na imagem à frente de um castelo de areia na orla carioca.

Kimbra visita o Rio de Janeiro. Foto: Facebook/DivulgaçãoKimbra visita o Rio de Janeiro. Foto: Facebook/DivulgaçãoKimbra visita o Rio de Janeiro. Foto: Facebook/DivulgaçãoKimbra visita o Rio de Janeiro. Foto: Facebook/DivulgaçãoKimbra visita o Rio de Janeiro. Foto: Facebook/Divulgação

Siga o iG Cultura no Twitter

Com o grupo cultural Olodum, que ganhou destaque internacional pela participação em uma das versões do clipe de "They Don't Care About Us", de Michael Jackson, em 1996, Kimbra terá a chance de relembrar o rei do pop em uma homenagem apropriadamente abrasileirada.

"Estou empolgada para cantar com o Olodum, porque desde que eles tocaram com o Michael Jackson eu virei fã. Gostei muito do que eles trouxeram para 'They Don't Care About Us'", explica em entrevista ao iG.

A cantora neozelandesa tornou-se uma artista premiada depois de dividir os vocais com Gotye na música "Somebody That I Used to Know", de 2011, que tocou à exaustão nas rádios e chegou à primeira posição da parada Hot 100 da revista Billboard.

Só o vídeo da parceria entre os dois cantores rendeu, até o momento, mais de 429 milhões de visualizações no Youtube. "Nós até conversamos sobre fazer mais alguma coisa juntos, fizemos um pouco de jam, mas, quando for a hora certa, talvez gravaremos de novo."

Kimbra só tem um disco lançado, " Vows", de 2011, e conta que vem compondo seu sucessor, com previsão de lançamento para 2014, há um ano entre as pausas da turnê. 

Os ídolos que também devem influenciar seu novo trabalho são nomes consolidados musicalmente como o músico Mike Patton (Faith no More), a cantora Janelle Monáe, que é sua amiga, e a obra deixada pelo cantor Jeff Buckley (morto em 1997), que "foi uma grande influência quando era mais nova."

Kimbra + Olodum no Rock in Rio
Dia 15, domingo, no palco Sunset
Horário: das 17h30 às 18h30

Leia tudo sobre: rock in riokimbraolodummúsicafestivalrio de janeiro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas