Em noite previsível, cantora Emeli Sande domina Brit Awards

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Cantora escocesa ganhou prêmios de álbum do ano e artista britânica; Ben Howard, Frank Ocean e Adele também levam troféus para casa

Reuters

 A cantora escocesa Emeli Sande recebeu o cobiçado prêmio de melhor álbum do ano do Brit Awards, na noite de quarta-feira, por "Our Version of Events", confirmando seu favoritismo na grande festa da música pop britânica.

Siga o iG Cultura no Twitter

A artista de 25 anos, que cantou nas cerimônias de abertura e encerramento da Olimpíada de Londres em 2012, também foi escolhida como a melhor artista britânica feminina, em uma noite de poucas surpresas na distribuição dos troféus pontilhados, criados pelo artista Damien Hirst.

Emeli Sande agradece o prêmio de álbum britânico do ano. Foto: APTaylor Swift se apresenta no Brit Awards 2013. Foto: ReutersTaylor Swift se apresenta no Brit Awards 2013. Foto: APJustin Timberlake se apresenta no Brit Awards 2013. Foto: APIntegrantes do Coldplay, vencedores de melhor performance ao vivo. Foto: APIntegrantes do Mumford and Sons, escolhidos como melhor grupo. Foto: APFrank Ocean, vencedor do prêmio de melhor cantor internacional. Foto: ReutersRobbie Williams se apresenta no Brit Awards 2013. Foto: APOne Direction se apresenta no Brit Awards 2013. Foto: AP

"Acho que sou uma pop star muito improvável", disse uma comovida Sande à plateia que lotou a O2 Arena, em Londres, ao receber o prêmio principal. "Este é um álbum que eu escrevi porque não tinha confiança de cantar essas coisas pessoalmente. Este é um sonho, mesmo, então obrigada a vocês por este ano, e obrigada por este prêmio. Estou muito grata."

Sande coroou seu sucesso cantando "Clown" e "Next to Me" no encerramento da cerimônia, transmitida ao vivo pela TV. O outro grande ganhador da noite foi o cantor e compositor Ben Howard, nas categorias de revelação britânica e solo masculino britânico.

Reuters
Justin Timberlake canta no Brit Awards

Outros vencedores famosos incluem o norte-americano Frank Ocean, que derrotou nomes como Bruce Springsteen e Jack White na categoria de artista solo masculino estrangeiro.

Justin Timberlake vestiu smoking para cantar "Mirrors", em mais um passo da retomada da carreira musical antes do lançamento, em março, de "The 20/20 Experience", seu primeiro álbum desde 2006.

De vestido branco, Taylor Swift apresentou "I Knew You Were Trouble", e numa rápida troca de roupa se mostrou com um figurino preto e justo, com shorts bem curtos e botas até os joelhos.

A banda britânica One Direction provocou histeria das fãs adolescentes ao subir ao palco para a canção beneficente "One Way Or Another", que liderou as paradas em 60 países, reforçando seu status de celebridades globais. O grupo, aliás, recebeu o Brit na categoria "sucesso global".

Adele juntou mais um troféu à sua coleção, com o prêmio de melhor single - a canção tema do filme "007 - Operação Skyfall", do personagem James Bond. Ela não recebeu o prêmio pessoalmente porque está em Los Angeles ensaiando a apresentação que fará na festa do Oscar, no domingo.

Leia tudo sobre: brit awardsemeli sande

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas