Diva do funk Marva Whitney morre aos 68 anos

Cantora, considerada "soul sister" número um de James Brown, foi vítima de uma pneumonia

iG São Paulo |

A diva de funk Marva Whitney morreu neste sábado (22) vítima de complicações resultantes de uma pneumonia. A morte da cantora, que trabalhou por anos ao lado de James Brown e era considerada sua "soul sister" número um, foi confirmada com uma nota em sua página oficial no Facebook.

Siga o iG Cultura no Twitter

"Estamos tristes em informar que a "soul sister" número um Marva Whitney morreu na noite passada. Ela nos deixa com um legado que vai brilhar para sempre. Por favor, rezem pela sua família".

Whitney, cujo nome real era Marva Ann Manning, começou sua carreira na infância, cantando com a família no grupo de música gospel Manning Gospel Singers. Ela fez parte da banda de James Brown durante os anos 1960, chegando a excursionar com o músico pelo Vietnã.

Em carreira solo Whitney ficou conhecida pela canção "Unwind Yourself", que foi sampleada pelo DJ Kool na canção "Let Me Clear My Throat", de 1996.

Em dezembro de 2009 a cantora teve um derrame durante uma apresentação em Lorne, na Austrália, o que ocasionou o cancelamento de sua turnê. Porém, ela se recuperou no ano seguinte e voltou aos palcos.

Leia também: Veja imagens da carreira de James Brown, que faria 79 anos em 2012

    Leia tudo sobre: Marva Whitneyfunkmúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG