Líder do Flaming Lips é flagrado com granada em aeroporto

Surpresa no raio-X faz passageiros nos EUA perderem voos por confusão na segurança

iG São Paulo |

Reprodução
Susto: músico tinha granada na bagagem de mão

O líder do Flamings Lips, Wayne Coyne, conhecido por sua excentricidade, surpreendeu a segurança do aeroporto da cidade de Oklahoma, nos Estados Unidos. Os responsáveis pelo raio-X tomaram um susto ao ver que o músico, fã de caminhadas por cima do público dentro de uma bola de plástico, estava ali, descalço, carregando uma granada na bagagem de mão.

Siga o iG Cultura no Twitter

Ele se defendeu afirmando ter ganho o artefato numa festa, no início do mês, com a garantia de que ele não funcionava. Mais tarde a polícia confirmou que a granada, de fato, não era explosiva.

Mesmo assim, o incidente tumultuou o aeroporto e fez com que alguns passageiros perdessem seus voos. Coyne pediu desculpas numa mensagem postada no Twitter .

"Desculpas a todos que tiveram inconvenientes por conta da minha granada no aeroporto de Oklahoma", ele escreveu.

O Flaming Lips está atualmente em turnê para divulgar seu último disco, "The Flaming Lips and Heady Fwends", lançado em abril.

Leia também:  Flaming Lips bate recorde mundial de maior número de shows em 24 horas

    Leia tudo sobre: flaming lipswayne coynegranadaaeroporto

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG