Vocalista é acusado de ameaçar a namorada e seu filho com uma faca

EFE

Flavor Flav, do Public Enemy, em foto tirada pela polícia de Las Vegas
Getty Images
Flavor Flav, do Public Enemy, em foto tirada pela polícia de Las Vegas

O astro do rap e fundador do Public Enemy Flavor Flav foi preso nesta madrugada (dia 18) por atacar sua namorada, Elizabeth Trujillo, e ameaçar o filho dela com arma branca em sua casa de Las Vegas.

A discussão aconteceu depois que Elizabeth acusou Flavor Flav, cujo nome verdadeiro é William Drayton, de enganá-la com outra mulher, de acordo com relatos. A briga foi piorando, explicou a mulher, até se transformar em violência física, quando Drayton jogou a namorada no chão várias vezes, o que a machucou até sangrar.

Siga o iG Cultura no Twitter

Diante da situação, Gibran, o filho de 17 anos de Trujillo, enfrentou Drayton e tentou separá-lo de sua mãe. Drayton pegou duas facas de cozinha e perseguiu Gibran e Trujillo pela casa, enquanto fazia "ameaças de morte", segundo a polícia. Quando a polícia chegou à casa, Gibran havia se escondido no quarto de sua irmã.

Drayton, de 53 anos, tinha ferimentos de faca que teria ele mesmo feito no momento de sua prisão. Elizabeth é a mãe do filho mais novo de Drayton, Karma, de 5 anos. Desde o fim dos anos 1990, Drayton teve vários problemas com as autoridades e passou temporadas na prisão por acusações relacionadas a drogas e assaltos com armas.

Leia também: Public Enemy, Deep Purple e Rush são indicados ao Hall da Fama

O Public Enemy é considerado um dos grupos mais importantes da história do rap e do hip-hop com viés político, e discos como "It Takes a Nation of Millions to Hold Us Back" (1988) e "Fear of a Black Planet" (1990) venderam mais de 1 milhão de discos cada um.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.