Disco de Chris Brown é vendido com aviso "Esse homem bate em mulheres"

Clientes da loja de departamentos HMV fotografam tarja encontrada no álbum "Fortune"

iG São Paulo |

Clientes da loja de departamentos HMV, em Londres, divulgaram uma foto do último álbum do cantor Chris Brown, "Fortune" , comercializado com uma etiqueta que diz "Aviso: Não compre esse disco! Esse homem bate em mulheres".

Siga o iG Cultura no Twitter

Reprodução
Disco de Chris Brown com a etiqueta "Não compre esse disco! Esse homem bate em mulheres"

A tarja faz referência ao episódio ocorrido em fevereiro de 2009, quando Brown agrediu sua namorada na época, a cantora Rihanna, na véspera do prêmio Grammy. Por causa disso, o cantor enfrenta uma sentença condicional de cinco anos após se declarar culpado.

Reprodução/Getty Images
A nova tatuagem de Chris Brown

De acordo com o site Gigwise, os adesivos foram feitos por grupos defensores dos direitos das mulheres. Mesmo assim, não foi explicado como eles foram colocados nos CDs.

Leia também: Rihanna diz que ter apanhado de Chris Brown a deixou "mais livre"

Em entrevista ao E! News, a assessoria da HMV negou envolvimento da loja com os adesivos. "É um incidente isolado e não tem relação com a política da HMV. Aparentemente algum cliente passou por uma de nossas lojas ontem e etiquetou os discos - que foram rapidamente removidos das prateleiras".

De acordo com a HMV, a foto divulgada na internet foi tirada antes do confisco dos álbuns, que não são mais encontrados na loja.

Nesta semana, um porta voz de Chris Brown teve que defender a nova tatuagem do cantor , que mostra o rosto machucado de uma mulher. "A tatuagem é uma caveira como as utilizadas para ilustrar a festa mexicana do Dia dos Mortos. Ela não tem conexão com Rihanna ou qualquer mulher que tenha sofrido abuso."

    Leia tudo sobre: Chris BrownRihannamúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG