Magro Waghabi, do MPB4, morre aos 68 anos em São Paulo

Cantor sofria de câncer e estava internado desde o final da semana passada

iG São Paulo | - Atualizada às

O cantor Antônio José Waghabi Filho, o Magro, morreu na manhã desta quarta-feira (8) em São Paulo, em decorrência das complicações provocadas por um câncer de próstata.

Magro era integrante do MPB4, um dos mais importantes grupos vocais da música brasileira. 

O músico estava internado no hospital Santa Catarina desde a semana passada. Ele havia sido diagnosticado com câncer na próstata havia dez anos, e o tumor se espalhou para outros órgãos.

Com o MPB4, Magro lançou mais de 30 discos, incluindo clássicos da música brasileira como "Cicatrizes" (1972) e a série de álbuns pela gravadora Elenco entre 1966 e 1971.

O grupo também participou de gravações importantes de Chico Buarque, como "Roda Viva" e "Construção".

Magro será cremado na cemitério da Vila Alpina, também em São Paulo, nesta quinta-feira (9). O velório acontece no hospital Beneficência Portuguesa.

O músico Aquiles Rique Reis, companheiro de Magro no MPB4, publicou a seguinte nota no site oficial do grupo:

"Meus amigos,

Depois de longa luta pela vida, Antonio José Waghabi Filho, o Magro doMPB4, nos deixou.
Com ele vai junto uma parte considerável do vocal brasileiro. Com ele foi a minha música.

Fraternalmente,
Aquiles"

    Leia tudo sobre: MPB4Magro Waghabimúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG