Três anos após deixar comando da Osesp, John Neschling volta à Sala São Paulo

Maestro vai reger a Orchestra de la Svizzera Italiana em dois concertos em agosto, no lugar do russo Alexander Vernikov

iG São Paulo | - Atualizada às

Divulgação
John Neschling

O maestro brasileiro John Neschling voltará a reger na Sala São Paulo, casa da Osesp (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo), pela primeira vez desde que deixou o comando da companhia, em 2009.

Neschling comandará a Orchestra de la Svizzera Italiana, da Suíça, em dois concertos, nos dias 6 e 7 de agosto. Ele substituirá o maestro russo Alexander Vernikov, que quebrou a mão e não poderá vir ao Brasil.

John Neschling foi demitido da Osesp em janeiro de 2009, depois de doze anos no comando da companhia. Pouco depois, entrou com um processo contra a orquestra, pedindo uma indenização de R$ 12,5 milhões. 

O maestro chegou a ganhar o processo em primeira instância, mas perdeu em segunda. Como ele recorreu da decisão, a questão ainda está em aberto.

Os dois concertos na Sala São Paulo terão a participação do pianista vietnamita Dang Thai Son. O programa, idêntico nas duas noites, incluirá as obras "Pastoral de Verão", de Arthur Honegger; "Concerto nº 2 para Piano", de Frédéric Chopin; e "Sinfonia nº 6", de Franz Schubert.

Neschling também regerá a Orchestra de la Svizzera Italiana no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, no dia 12 de agosto.

    Leia tudo sobre: John NeschlingOsespmúsica erudita

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG