Rihanna processa ex-contadores e diz ter perdido milhões

Advogados afirmam que empresa causou "prejuízos significativos" nas contas da cantora

Reuters |

Reuters

Getty Images
Rihanna: processo milionário nos EUA

A cantora Rihanna está processando seus contadores, alegando entre outras coisas que eles receberam comissões abusivas que a fizeram perder milhões de dólares.

Siga o iG Cultura no Twitter

Em ação protocolada nesta semana numa corte federal de Manhattan, em Nova York, a artista de 24 anos e sua produtora de shows, a Tourihanna, pleiteiam uma indenização não-especificada da firma de contabilidade Berdon LLP e de seus ex-funcionários Michael Mitnick e Peter Gounis.

Os autores do processo dizem que os acusados causaram "prejuízos financeiros significativos" entre 2005 e 2010 e cobraram comissões “exorbitantes" por seu trabalho na turnê "Last Girl on Earth", de 2010.

Bendon também é acusado de cometer erros no pagamento de tributos domésticos e internacionais da artista, e de não monitorar adequadamente os pagamentos por direitos de execuções musicais.

Ouça músicas e aprenda letras de Rihanna

Michael Tasch, porta-voz de Berdon, não respondeu aos pedidos para comentar o assunto. Mitnick e Gounis já deixaram o escritório e não foram localizados.

    Leia tudo sobre: rihannaprocesso

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG