Lei que define hip hop como movimento cultural popular é sancionada no Rio

Legislação agora proíbe discriminação contra o gênero musical na cidade

iG São Paulo | - Atualizada às

Divulgação / PRB
O vereador João Mendes de Jesus

Foi sancionada pelo prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB), a lei que define o hip hop como movimento cultural de caráter popular.

A lei proíbe qualquer tipo de discriminação ou preconceito de natureza social, racial, cultural ou administrativa contra o gênero musical na cidade.

Os artistas deste estilo são declarados como agentes da cultura popular, recebendo o mesmo tratamento, por exemplo, de artistas de samba.

"É muito importante a aprovação desse projeto para a cultura carioca e principalmente para a comunidade negra da cidade", afirmou o autor do projeto de lei, vereador João Mendes de Jesus (PRB).

Segundo o vereador, o hip hop ainda é alvo de preconceito. "Como foram o samba, o maracatu e a capoeira, entre outros estilos musicais disseminados para a sociedade por intermédio da cultura negra", disse.

    Leia tudo sobre: MúsicaHip HopRio de Janeiro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG