Atari Teenage Riot espera reencontrar energia do público brasileiro

Banda alemã se apresenta nesta sexta em São Paulo, 14 anos após tocar no país pela primeira vez

Augusto Gomes , iG São Paulo | - Atualizada às

Divulgação
Atari Teenage Riot

Hardcore digital, punk eletrônico e tecno metal. Esses são alguns dos termos usados para definir o som do Atari Teenage Riot, grupo alemão que se apresenta nesta sexta-feira em São Paulo, no Cine Joia. Nenhum dos rótulos define com precisão o som da banda, mas eles dão uma boa ideia do verdadeiro ataque sonoro que o trio é capaz.

Esta será a segunda passagem do Atari Teenage Riot pelo Brasil. A primeira foi há 14 anos, no final dos anos 1990. O líder da banda, Alec Empire, guarda boas lembranças da primeira visita ao país. "Foi um dos melhores shows que fizemos naquela época", diz o músico. "Se o público aí de São Paulo continuar com a mesma energia, tenho certeza que será ótimo."

A volta ao país deveria ter acontecido em março deste ano, mas a apresentação teve que ser adiada depois que a vocalista Nic Endo teve uma inflamação na garganta. Como o grupo tinha uma série de apresentações agendadas em abril e maio nos Estados Unidos e na Europa, a nova data no Brasil teve que ser remarcada para quase três meses após a original.

O show no Cine Joia faz parte da turnê do disco "Is This Hyperreal?", lançado no ano passado. É o primeiro álbum do Atari Teenage Riot desde "60 Second Wipe Out", de 1999. Neste intervalo, o grupo passou por período turbulento: um de seus integrantes, Carl Crack, morreu de overdose e a banda se separou. Enquanto isso, Empire dedicou-se a projetos solo.

Em 2010, o grupo se reuniu para se apresentar ao vivo. O reencontro deu tão certo que já rendeu um disco de estúdio e um ao vivo, gravado em 2011 no Japão. "E também devemos lançar um álbum ainda este ano, com músicas que não entraram no 'Is This Hyperreal?'", diz Empire. "Muitas bandas se reúnem apenas para tocar coisas antigas. Nós queremos produzir coisas novas."

A vida do grupo ao Brasil foi viabilizada via crowdfunding, uma espécie de financiamento coletivo em que as pessoas compram cotas e, quando um certo número é atingido, o show é confirmado. No caso do Atari Teenage Riot, as 200 cotas disponíveis acabaram em apenas dois dias. "Acho esse tipo de mobilização fantástica. Tem tudo a ver com a gente", diz Empire.

Atari Teenage Riot no Cine Joia
Praça Carlos Gomes, 82, Liberdade
Sexta-feira (15), às 23h (abertura da casa: 21h)
Ingressos: R$ 75 (2º lote) e R$ 95 (3º lote)

    Leia tudo sobre: Atari Teenage RiotMúsicaShows

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG