Polícia suspeita de suicídio do músico, que deixou um bilhete de despedida

Reuters

Bob Welch, do Fleetwood Mac
Reprodução
Bob Welch, do Fleetwood Mac

Bob Welch, um dos primeiros membros da banda de rock Fleetwood Mac, e que desfrutou de uma carreira solo de sucesso com hits como "Ebony Eyes", morreu nesta quinta-feira (7) no que parece ter sido suicídio, em sua casa em Nashville. Ele tinha 66 anos.

Siga o iG Cultura no Twitter

Segundo a polícia, o corpo de Welch foi encontrado por sua esposa Wendy com apenas um tiro no peito e um bilhete de despedida. Welch sofria de problemas de saúde, mas a polícia não revelou quais eram.

Mick Fleetwood, um dos membros fundadores do Fleetwood Mac e agente de Welch durante sua carreira solo, havia permanecido em contato próximo com seu ex-companheiro de banda ao longo dos anos e disse à Reuters que o suicídio de Welch era "incrivelmente contraditório."

"Ele era um ser humano muito, muito inteligente e estava sempre de bom humor. Por isso sua morte é incrivelmente chocante", disse. "Bob era uma grande parte da nossa história que às vezes é esquecida... seu legado seria sua habilidade de composição, que ele trouxe para o Fleetwood Mac, e que sobreviverá a todos nós", completou.

Ouça músicas e aprenda letras do Fleetwood Mac

Welch é o segundo membro do Fleetwood Mac a morrer este ano. Em janeiro, outro ex-guitarrista da banda, Bob Weston, faleceu em Londres devido a uma hemorragia gastrointestinal com 64 anos.

O Fleetwood Mac em 1975: John McVie, Mick Fleetwood, Bob Welch e Christine McVie
Getty Images
O Fleetwood Mac em 1975: John McVie, Mick Fleetwood, Bob Welch e Christine McVie

Bob Welch nasceu em 31 de agosto de 1945, em Los Angeles, filho do produtor cinematográfico Robert L. Welch e da atriz Templeton Fox. Ele se mudou para Paris para estudar francês na Sorbonne, e, em seguida, voltou para Los Angeles no início dos anos 1970.

Ele foi convidado a participar do Fleetwood Mac após a saída de dois integrantes fundadores do grupo, Peter Green e Jeremy Spencer. Tocava guitarra e foi vocalista com a banda de 1971 a 1974, e trabalhou em cinco de seus primeiros álbuns, incluindo "Future Games", de 1971, é "Bare Trees", de 1972, "Mistery to Me", de 1973.

Seus álbuns mais recentes, "His Fleetwood Mac Years and Beyond", de 2003, e "His Fleetwood Mac Years and Beyond 2", de 2006, tinham material inédito.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.