Justiça dos EUA diz que Lauryn Hill sonegou imposto

Cantora é acusada de omitir da Receita Federal US$1,8 milhão em três anos

Reuters |

Reuters

Getty Images
A cantora Lauryn Hill

A cantora Lauryn Hill foi acusada formalmente nesta quinta-feira (7) por não declarar o imposto de renda durante três anos, informaram as autoridades.

Siga o iG Cultura no Twitter

Lauryn não declarou o imposto para a Receita Federal dos EUA (IRS, sigla em inglês) de 2005 a 2007, afirmou o Departamento de Justiça em comunicado. Durante este período sua renda, que vem principalmente dos royalties de gravações e filmes, somaram mais de US$ 1,8 milhão.

Cada uma das três ações contra a cantora tem pena máxima de um ano de cadeia e uma multa de US$ 100 mil.

A agência William Morriis, que representa Lauryn, não quis comentar. O advogado da cantora, Nathan J. Hochman, não pôde ser contatado para falar.

Lauryn, que uma vez foi integrante da banda de hip hop Fugees, é mais conhecida por seu disco "The Miseducation of Lauryh Hill", de 1998, que ganhou cinco prêmios Grammy, incluindo Álbum do Ano.

Ela também é proprietária e dirige quatro empresas: Obverse Creations Music Inc., Boogie Tours Inc., L.H. Productions 2001 Inc., e Studio 22 Inc., declarou o Departamento de Justiça.

A cantora está programada para responder às acusações diante do juiz do magistrado dos EUA Michael A. Shipp, em Newark, no dia 29 de junho.

    Leia tudo sobre: CULTURAMUSICALAURYNHILL

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG