Músico Nelson Jacobina morre no Rio de Janeiro

Parceiro de Jorge Mautner, com quem escreveu "Maracatu Atômico", compositor sofria de câncer

iG São Paulo |

Divulgação
Nelson Jacobina
O músico Nelson Jacobina, parceiro de Jorge Mautner em composições como "Maracatu Atômico" e "Lágrimas Negras", morreu na manhã desta quinta-feira (31), aos 58 anos. Ele sofria de câncer.

Jacobina foi internado no domingo (dia 27) no Instituto Pró-Cardíaco, no Rio de Janeiro, e desde então estava respirando com ajuda de aparelhos.

Ouça "Maracatu Atômico" com Gilberto Gil 

O enterro ocorreu no final da tarde de quinta, no cemitério São João Batista, no Rio de Janeiro.

Há 15 anos, o músico foi diagnosticado com câncer na parótida, uma das três glândulas salivares. Após passar por vários tratamentos, foi dado como curado.

Há dois anos, o tumor voltou, se espalhou e chegou a outros órgãos, afetando principalmente o pulmão.

Ao ser internado, no domingo, o músico reclamava de dificuldades para respirar.

Deixe seu comentário ao final do texto

Jacobina ficou conhecido nos anos 1970, graças a suas parcerias com o cantor e compositor Jorge Mautner. A partir de 2000, também passou a integrar a Orquestra Imperial.

Assista abaixo a Jacobina tocando violão em "Vapor Barato", ao lado de Jorge Mautner e Jards Macalé, em março do ano passado:

    Leia tudo sobre: Nelson JacobinaJorge Mautnermúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG