Sobrinho é preso por tentar extorquir Stevie Wonder

Alpha Walker e a namorada queriam US$ 5 milhões para não divulgar informações do cantor

Reuters |

Getty Images
Stevie Wonder: vítima de chantagem
O sobrinho de Stevie Wonder foi preso e acusado de um esquema de extorsão contra o cantor, afirmaram promotores de Los Angeles na sexta-feira.

Alpha Lorenzo Walker, de 38 anos, foi preso no dia 2 de maio, junto com outra suposta conspiradora, Tamara Eileen Diaz, sua namorada. O casal havia ameaçado revelar informações que alegavam ser embaraçosas para Wonder, a não ser que ele cumprisse com as exigências deles, afirmou o escritório da Procuradoria do Distrito de Los Angeles.

Siga o iG Cultura no Twitter

O site de celebridades TMZ.com, citando fontes legais, disse que os dois haviam exigido US$ 5 milhões de Wonder e ameaçado ir para a mídia com uma história sobre incesto. Depois, eles baixaram a quantia para US$ 10 mil e foram presos por policiais à paisana que fingiam ser representantes do músico.

A porta-voz da Procuradoria do Distrito recusou comentar a natureza ou os detalhes do suposto plano de extorsão.

Ouça músicas e aprenda letras de Stevie Wonder

Walker e Diaz alegaram inocência quanto a acusação de extorsão, mas estão detidos na cadeia aguardando uma audiência preliminar na semana que vem que irá determinar se há evidência suficiente para um julgamento completo.

    Leia tudo sobre: stevie wonderextorsão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG