Museu de Arte Ruim expõe quadros de pessoas comuns nos EUA

Segundo curadores, obras são tão ruins que não podem ser ignoradas

iG São Paulo |

Ao lado do banheiro masculino do porão de um teatro na cidade de Boston, nos Estados Unidos, está localizada a primeira sede de um dos museus mais curiosos do mundo: o Museum of Bad Art (em tradução livre, Museu de Arte Ruim). O local abriga pinturas feitas por pessoas normais e que, segundo os próprios curadores, são tão ruins que não podem ser ignoradas.

A instituição surgiu em 1993, quando os norte-americanos Michael Frank e Louise Reilly Sacco descobriram uma pintura "tão ruim que não poderia ser ignorada", segundo o site oficial . A primeira sede foi o porão de uma casa em Boston, mas a coleção recebeu tantas colaborações que precisou ser acomodada em um local maior.

Siga o iG Cultura no Twitter

Além da sede em Boston, o Museum of Bad Art também possui uma na cidade de Sommerville - também ao lado do banheiro de um teatro -, publicou um livro com suas obras e mantém o catálogo disponível em seu site.

    Leia tudo sobre: artes plásticaspintura

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG