Mostra "O Mundo Mágico de Escher" chega a São Paulo

Exposição entra em cartaz nesta terça-feira, no Centro Cultural Banco do Brasil

Agência Estado |

Parte de um raro acervo com mais de 400 obras do Haags Gemeente-Museum - que mantém o Museu Escher, na cidade de Den Haag, na Holanda - poderá ser visto, a partir de amanhã, no CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil), em São Paulo. As peças integram a mostra "O Mundo Mágico de Escher".

Dedicada ao artista gráfico holandês Maurits Cornelis Escher (1898 - 1972), que ficou conhecido por trabalhos que exploravam efeitos óticos e de espelhamento, a exposição é composta por 95 obras, entre gravuras originais e desenhos, incluindo os trabalhos mais conhecidos do artista.

Para reunir os trabalhos mais significativos de Escher, o curador da exposição Pieter Tjabbes esteve no museu na Holanda e selecionou obras num recorte cronológico, que vai de 1919 a 1960.

"É importante ressaltar que essa é uma oportunidade única do brasileiro conhecer o trabalho original do artista gráfico, já que após essa exposição, as obras não serão emprestadas pelo Museu Escher durante os próximos quatro anos".

Pieter explica que, pela regra internacional, quando obras ficam expostas durante muito tempo, sofrem incidências de luz e podem perder intensidade de cores e por isso devem ser preservadas com maior cuidado nos anos seguintes.

O público que for ao CCBB vai passar por algumas experiências interativas para tentar desvendar os efeitos que geram impressionantes ilusões óticas - característica marcante dos trabalhos de Escher.

Em uma de suas obras, por exemplo, o espectador olha pela janela de uma casa e vê tudo em ordem; em seguida, observa o mesmo trabalho de outra janela e vê tudo flutuando. Outra forma de experiência interativa será na exibição de um filme em 3D que possibilitará um divertido passeio por dentro das obras do artista gráfico holandês.

O curador explica que era justamente este o objetivo do artista com suas obras que representava construções impossíveis, preenchimentos regulares do plano, explorações do infinito e metamorfoses nas figuras que desenhava. "Ele queria que as pessoas parassem em frente à obra e se questionasse: Será que é isso mesmo que estou vendo?"

O Mundo Mágico de Escher - Centro Cultural Banco do Brasil (Rua Álvares Penteado, 112, Centro). Tel. (011) 3113-3651. Abertura amanhã. De ter. a dom., das 9h às 20h. Até 17/7. Grátis.

    Leia tudo sobre: Escherarteccbb

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG