Ary Fernandes estava internado no hospital estadual do Mandaqui

Os protagonista da série em ação
Divulgação
Os protagonista da série em ação
O dramaturgo Ary Fernandes, autor da série televisiva dos anos 1960 O Vigilante Rodoviário , morreu em São Paulo na manhã deste domingo. Ele estava internado no hospital estadual do Mandaqui, mas o centro médico não quis informar a causa do falecimento. 

Em entrevista em dezembro, quando uma caixa de DVDs do programa foi lançada, Fernandes conversou com o iG . "Achavam-me um sonhador, idealista", recordava ele. "O que eu recebia para produzir um episódio da minha série era o mesmo que era pago como cachê de um único capítulo ao protagonista de uma série americana. Uma vez, durante as filmagens, um diretor de cinema de lá veio ver nosso trabalho. Ao deparar-se com a nossa realidade, me disse: 'Vocês não fazem cinema. Vocês fazem milagres!'"

O corpo de Fernandes está sendo velado no cemitério Chora Menino, em Santana, na zona norte da capital paulista. O evento é aberto para familiares e fãs. O enterro está marcado para as 11h desta segunda-feira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.