"Mães descontroladas" inspiram artista britânico

Gigantesca peça de neon é destaque da exposição na galeria Hauser & Wirth's, em Londres

BBC Brasil |

selo

Uma gigantesca peça de neon com a palavra mãe em inglês rodando constantemente é a mais nova obra do artista plástico britânico Martin Creed. A exposição abre as portas ao público nesta sexta-feira na nova galeria de arte Hauser & Wirth's, no centro de Londres. O artista afirmou que a obra foi encomendada por uma estação de trem na Alemanha, que queria preencher um vasto espaço vazio.

Creed disse que escolheu a palavra mother, mãe em inglês, por achar que ela ficaria "bonita" escrita em letras enormes. "Mães talvez sejam as pessoas mais importantes."

Ele contou também que resolveu dar o movimento giratório ao sinal porque isso dá "uma impressão de descontrole" e que "uma mãe descontrolada soa verdadeiro" para ele.

Junto com a exposição, o artista também está lançando a canção Thinking/Not thinking. Em português: "Pensando/Não pensando". A letra, segundo ele, sintetiza a forma com que o artista cria. "Não consigo pensar em fazer uma bela obra de arte."

A exposição fica em Londres até o dia 5 de março. 


    Leia tudo sobre: Martin Creed

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG