Games e indies se encontram em HQ

Scott Pilgrim Contra o Mundo é história boba sobre amor adolescente no tempo dos videogames

Guss de Lucca, iG São Paulo |

Uma das coisas mais divertidas das histórias em quadrinhos é a possibilidade de entrar em contato com mundos diferentes do real, sejam eles habitados por super-heróis, alienígenas ou criaturas místicas. Quando uma HQ oferece aos seus leitores um personagem comum vivendo de maneira medíocre, desconfie. Ao invés de um gibi, você pode ter nas mãos a válvula de escape da frustração de um cartunista.

Divulgação
Capa de Scott Pilgrim Contra o Mundo
Não que haja algo de errado nisso, mas ao levar ao pé da letra o conceito autoral de uma graphic novel, muitos artistas acabam esquecendo que uma história em quadrinhos tem - ou deveria ter - o dever de entreter seu leitor, podendo ainda propor a reflexão sobre alguma questão e de quebra apresentar-lhe boas ilustrações.

Esse não é o caso da graphic novel Scott Pilgrim Contra o Mundo . Seu personagem principal, Scott Pilgrim, é igual a qualquer integrante da famosa massa de jovens de classe média que ao invés de crescer, mantém vivo o sonho de uma vida sustentada pelo rock e passa a maior parte de seu tempo dormindo ou jogando videogame.

Tudo muda quando ele se apaixona pela entregadora Ramona Flowers e descobre que seu namoro só tem chances de existir se ele derrotar os sete ex-namorados da garota em lutas que simulam jogos eletrônicos - com direito a coreografias, golpes especiais e inimigos transformando-se em moedas. Essa é a única diferença do mundo real para o criado pelo cartunista Bryan Lee O'Malley.

Assim como a maioria dos indies, Pilgrim usa camisetas com estampas "engraçadinhas" e demonstra insegurança diante de uma mulher. Não por acaso, o único momento em que o rapaz revela alguma agressividade é quando luta contra seus inimigos - como se estivesse jogando videogame.

Divida em seis volumes, Scott Pilgrim Contra o Mundo será lançada no Brasil em três volumes com média de 350 páginas. Muito papel para uma história de dor de cotovelo com ilustrações fracas. K.O.

Scott Pilgrim Contra o Mundo
Bryan Lee O'Malley
Quadrinhos na Cia
R$ 35,00

    Leia tudo sobre: Scott Pilgrim Contra o Mundo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG