Os Últimos Soldados da Guerra Fria contará história de cinco agentes secretos cubanos presos nos EUA" / Os Últimos Soldados da Guerra Fria contará história de cinco agentes secretos cubanos presos nos EUA" /

Fernando Morais lança novo livro no final do ano

Os Últimos Soldados da Guerra Fria contará história de cinco agentes secretos cubanos presos nos EUA

Ana Paula Prado, iG São Paulo |

Agência Estado
O escritor Fernando Morais
O escritor Fernando Morais já tem um novo livro pronto para publicação. Dois anos depois de lançar O Mago , biografia de Paulo Coelho, ele colocará nas prateleiras Os Últimos Soldados da Guerra Fria . O livro contará a história de cinco agentes secretos cubanos infiltrados nos Estados Unidos. Descobertos, eles cumprem pena de prisão perpétua até hoje. O lançamento está previsto para dezembro deste ano, pela editora Companhia das Letras.

"No último ano fui dez vezes aos Estados Unidos e dez vezes a Cuba para apurar a história", revelou Morais durante um jantar de arrecadação de fundos para a campanha do ex-delegado da Polícia Federal Protógenes Queiroz à Câmara dos Deputados. "Obtive permissão para entrevistar alguns dos agentes", revela. "Não consegui falar com todos porque alguns juízes não liberaram".

Esse tipo de investigação não é novidade para o autor. Em Olga (1985), ele contou a história de Olga Benário, mulher do líder comunista Luis Carlos Prestes, deportada e morta na Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial. Em Corações Sujos (2000), o escritor se debruçou sobre o Shindo Renmei, organização de imigrantes japoneses que se recusava a admitir a derrota de seu país na guerra.

    Leia tudo sobre: Fernando Morais

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG