E-books alavancam consumo de literatura nos Estados Unidos

De acordo com pesquisa realizada no início de 2012, 21% da população norte-americana declarou já ter lido um livro eletrônico

iG São Paulo |

Getty Images
Demonstração de uso de e-book na feira de livros de Frankfurt
Em meados de dezembro do ano passado 17% da população adulta dos Estados Unidos havia lido um livro eletrônico, de acordo com o site Pew Research Center’s Internet & American Life Project.

Siga o iG Cultura no Twitter

Graças ao perído do Natal, época de compras e entrega de presentes, no início de fevereiro de 2012 esse número foi reavaliado e cresceu para 21%.

A facilidade de acesso a leitores digitais, como os tablets e smartphones, e a maior oferta de livros neste formato são apontados como responsáveis por este crescimento.

Além disso, de acordo com uma pesquisa realizada tmbém em dezembro de 2011, 43% dos norte-americanos acima dos 16 anos declarou querer ler um e-book e já utilizar as plataformas digitais para ler revistas, artigos e notícias.

Os leitores de e-books também são apontados como consumidores ávidos de livros no formato 'tradicional'. 88% desse público leu livros impressos no último ano.

Essa parcela da população é a grande responsável pelo crescimento de vendas de obras literárias, já que por ler com maior frequência prefere comprar livros a pegá-los emprestados.

    Leia tudo sobre: literaturae-bookspesquisa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG