Artistas e políticos lamentam morte do escritor João Ubaldo Ribeiro

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Autor de "Viva o Povo Brasileiro" e "Sargento Getúlio" morreu nesta sexta-feira (18), aos 73 anos

Artistas e políticos prestaram homenagens ao escritor João Ubaldo Ribeiro, que morreu na madrugada desta sexta-feira (18), aos 73 anos, vítima de embolia pulmonar. Autor de "Viva o Povo Brasileiro" e "Sargento Getúlio", ele era membro da Academia Brasileira de Letras (ABL) desde 1994 e recebeu o Prêmio Camões em 2008.

Saiba mais: Morre aos 73 anos o escritor João Ubaldo Ribeiro
Leia também: Veja frases do escritor João Ubaldo Ribeiro

O escritor brasileiro João Ubaldo Ribeiro durante a mesa . Foto: Beto LimaO escritor brasileiro João Ubaldo Ribeiro conversa com os jornalistas durante sua coletiva na Flip 2011. Foto: Beto LimaJoão Ubaldo Ribeiro, na Flip 2011. Foto: Beto LimaO escritor João Ubaldo Ribeiro. Foto: Biblioteca de São Paulo

Veja a repercussão da morte de João Ubaldo Ribeiro:

Dilma Rousseff, presidente do Brasil, em comunicado: "A literatura brasileira perde um grande nome com a morte de João Ubaldo Ribeiro. Neste momento de dor, presto minha solidariedade aos familiares, amigos e leitores."

Geraldo Holanda Cavalcanti, presidente da ABL, em comunicado: "É uma grande perda para a Academia, para o romance e o jornalismo nacionais. João Ubaldo Ribeiro deixa uma obra de excelência. Estamos todos muito chocados com a notícia”.

Paulo Coelho, escritor, no Twitter: "'Já cheguei à altura da vida em que tudo de bom era no meu tempo' Viva escritor e amigo João Ubaldo Ribeiro"

Jaques Wagner, governador da Bahia, no Facebook: "A obra deixada por João Ubaldo Ribeiro nos auxilia, neste momento, a superar a dor pela sua perda. Imortal das academias de letras do Brasil e da Bahia, irônico e bem-humorado, soube como poucos desvendar as entranhas da epopeia brasileira. Sua crítica social muitas vezes incomodava, porém também apontava caminhos. Ubaldo é leitura essencial para quem quiser contribuir para a construção de uma sociedade melhor. Minhas condolências aos familiares e amigos."

ACM Neto, prefeito de Salvador, no Twitter: "João Ubaldo foi fundamental para divulgar a identidade da nossa terra e, principalmente, de sua Itaparica, no Brasil e no mundo. Vamos continuar nos inspirando em tudo que ele representa para estimular o surgimento de novos talentos. Aqui deixo o meu muito brigado."

Karine Pansa, presidente da Câmara Brasileira do Livro, em comunicado: "O setor editorial perde, neste dia, um dos grandes romancistas e cronistas da atualidade, membro da Academia Brasileira de Letras. Mas suas obras sempre permanecerão vivas na memória dos brasileiros. Descanse em paz, Ubaldo!"

Fafá de Belém, cantora, no Twitter: "Acordei com a notícia da 'partida' de mais um amigo querido. Estou triste, João Ubaldo Ribeiro partiu nesta madrugada...Millôr [Fernandes] deve estar esperando por ele e à nós resta a dor, a lembrança e a saudade."

Júlio Rocha, ator, no Twitter: "João Ubaldo Ribeiro vai fazer muita falta, deixa um legado brilhante."

Gabriel Chalita, professor e escritor, no Twitter: "João Ubaldo Ribeiro era um mestre da irreverência, um grande escritor. Conquistou seu lugar na história. Descanse em paz."

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas