Mike Tyson é barrado na Grã-Bretanha ao tentar promover livro

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Ex-pugilista norte-americano, que esta divulgando sua nova autobiografia "Undisputed Truth", foi impedido de entrar no país devido a novas regras de imigração

Reuters

O ex-campeão mundial dos pesos pesados Mike Tyson foi proibido de entrar na Grã-Bretanha para promover seu livro devido a mudanças nas leis de imigração do país, informou a mídia britânica nesta terça-feira.

O ex-pugilista norte-americano, que já foi condenado por estupro, está atualmente em Paris para anunciar sua nova autobiografia, "Undisputed Truth".

Getty Images
O ex-pugilista Mike Tyson

As novas regras de imigração, no entanto, determinam que qualquer pessoa com uma condenação anterior, resultando em uma pena de prisão de mais de quatro anos, fica impedida de entrar no país.

Tyson, de 47 anos, foi condenado a seis anos em 1992 por estuprar uma ex-rainha da beleza.

"Houve uma mudança na lei de imigração no Reino Unido em dezembro de 2012 de que não sabíamos", afirmou a editora dele, Harper Collins.

Siga o iG Cultura no Twitter

"Por esta razão, Mike teve que mudar o local para Paris para salvar as suas obrigações de imprensa com o Reino Unido."

Tyson se tornou o mais jovem campeão mundial dos pesos pesados em 1986, aos 20 anos, e foi o primeiro peso pesado a possuir todos os três principais cinturões de boxe um ano depois.

O Ministério do Interior britânico confirmou que a regra mudou no ano passado. "Nós não comentamos sobre os detalhes de um caso individual", disse a pasta em um comunicado.

Leia tudo sobre: autobiografiamike tysongrã bretanha

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas