T.J. Clark: "O mundo está fascinado com a visão do Brasil se voltando contra o culto do futebol"; veja mais frases

Gilberto Gil em show na Flip 2013
Divulgação
Gilberto Gil em show na Flip 2013

Uma das melhores frases desta edição da Festa Literária Internacional de Paraty (de 3 a 7 de julho) foi dita pelo cantor e ex-ministro Gilberto Gil logo no show de abertura.

Leia mais:
Os pontos altos e baixos da Flip 2013
Eduardo Coutinho, Maria Bethânia e Dona Cléo estão entre os destaques

Nesta seleção, destacamos reflexões sobre as manifestações populares, reflexões sobre a arte do homenageado do ano, Graciliano Ramos, e outras sobre literatura mesmo. Confira abaixo.

“Se vivo fosse, Graciliano estaria apoiando de forma entusiástica às manifestações” - Dênis de Moraes, biógrafo do escritor alagoano.

“Assembleia! Estamos em assembleia. Qual é a queixa? Tem alguma queixa relevante, ou é como as manifestações, tudo difuso?” – Gilberto Gil, cantor e ex-ministro da Cultura.

“O mundo está fascinado com a visão do Brasil se voltando contra o culto do futebol. A igreja do futebol, o estádio, é que está sendo contestada. (…) Algo está acontecendo que nem o Pelé consegue desviar essa raiva” – T. J. Clark, historiador britânico.

“O que as pessoas querem é que o último mensaleiro petista seja enforcado nas tripas do último mensaleiro tucano” – Vladimir Satafle, filósofo.

“Quando me perguntam em entrevistas de onde vêm as minhas ideias, eu pergunto (ao interlocutor): de onde vêm os sonhos? Eu não sei. E prefiro viver nesse estado de sonho controlado” – John Banville, escritor irlandês cotado ao prêmio Nobel de literatura.

“Fumar ajuda a pensar. Fumar é um troço budista: tem que aceitar”, Eduardo Coutinho, cineasta.

“Graciliano procura o silêncio que valoriza a palavra” – Lourival Holanda, especialista em literatura.

“Niemeyer foi o melhor e o pior para a arquitetura no Brasil”, diz Paul Golberger, crítico de arquitetura.

“Não se faz amor debaixo de semiótica e sim de uma casa”, Eduardo Souto, arquiteto português.

“ ‘Guernica’ é o despertar de um transe” – T. J. Clark, historiador britânico

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.