Com palestra sobre Graciliano Ramos, Milton Hatoum abre a Flip 2013

Por iG São Paulo , especial por Aline Viana |

compartilhe

Tamanho do texto

"Escolha do autor como tema da Festa Literária de Paraty veio no momento certo", disse o amazonense

Diante de um auditório lotado, o escritor amazonense Milton Hatoum abriu a 11ª edição da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip) com uma palestra sobre o escritor alagoano Graciliano Ramos.

Recheada de informações e análises, a palestra de Hatoum teve tom acadêmico. O autor avaliou que a escolha de Graciliano como homenageado da festa se tornou ainda mais pertinente no atual momento do País, em meio às manifestações que cobraram mudanças das três esferas de governo, dada a temática social de suas obras.

Saiba tudo sobre a Flip 2013

Divulgação
Milton Hatoum abre a Flip 2013 com palestra sobre Graciliano Ramos

Para Hatoum, a experiência de Graciliano como prefeito de Palmeiras dos Índios, analisada a partir de seus despachos sempre com frases breves e irônicas, já antecipava seu estilo como escritor.

Um estilo que, como lembrou o palestrante, João Cabral de Melo Neto assim definiu: “Falo somente com o que falo:/ com as mesmas vinte palavras/ girando ao redor do sol/ que as limpa do que não é faca”.

Leia também: iG seleciona os destaques da Flip 2013

Milton destacou que a paisagem não é um acessório para o escritor alagoano, estando na própria estrutura de suas obras, como “Caetés” e “Vidas Secas”.

Graciliano ainda teria inovado como escritor ao adotar um modelo narrativo semelhante ao do norte-americano William Faulkner, uma forma estética que valorizava a profundidade dos personagens, enquanto no País ainda se “fazia o romance da terra”, pontua Hatoum.

Ao mesmo tempo, Graciliano combatia o pedantismo: os protagonistas de seus romances, com exceção de “Vidas Secas”, “são narradores contrafeitos, quase coagidos a escrever suas memórias. Ironicamente, enquanto as escrevem, criticam a palavra ardilosa de certos literatos”, disse Hatoum.

Leia tudo sobre: flipflip 2013milton hatoumgraciliano ramosliteratura

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas