Valter Hugo Mãe ganha Prêmio Portugal Telecom 2012

Dalton Trevisan foi o vencedor na categoria conto, enquanto Nuno Ramos foi o escolhido em poesia

iG São Paulo |

Beto Lima
O escritor Valter Hugo Mãe na Flip

Nascido em Angola, o escritor Valter Hugo Mãe foi o principal ganhador do Prêmio Portugal Telecom 2012, entregue na segunda-feira (dia 27) no auditório Ibirapuera, em São Paulo. O autor levou como melhor romance pelo livro "A Máquina de Fazer Espanhóis".

Entrevista: Valter Hugo Mãe quer ser pai

Na categoria conto, o ganhador foi o curitibano Dalton Trevisan, com "O Anão e a Ninfeta". Já em poesia o escolhido foi o escritor e artista plástico brasileiro Nuno Ramos, por "Junco" - Nuno já havia ganhado o Portugal Telecom, em 2009, por "Ó".

Siga o iG Cultura no Twitter

"A Máquina de Fazer Espanhóis" é o último volume da tetralogia formada ainda por "O Nosso Reino" (2004), "O Remorso de Baltazar Serapião" (2006) e "O Apocalipse dos Trabalhadores" (2008).

Leia também: Valter Hugo Mãe chora e é aplaudido de pé em debate na Flip

Pela primeira vez no prêmio (que está na 10ª edição), os 60 primeiros classificados e os 12 finalistas foram votados separadamente em três categorias: romance, poesia e conto/crônica.

O ganhador de cada categoria recebeu R$ 50 mil - já Valter Hugo Mãe, que ficou com o Grande Prêmio Portugal Telecom, levou mais R$ 50 mil.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG