Escritor leiloa 300 mil livros nos EUA

Larry McMurtry possui 450 mil volumes em sua biblioteca em Archer City, no Texas

Reuters |

Reuters

Reuters
O escritor Larry McMurtry

Hipsters, donos de livrarias e fãs dos Estados Unidos se dirigiam à cidade onde "A Última Sessão de Cinema" foi filmado para comprar alguns livros - ou um carregamento deles - no "A Última Venda de Livros", um leilão do escritor Larry McMurtry daqueles que só acontecem uma vez na vida.

McMurtry acumulou 450 mil volumes em seu usada e rara biblioteca chamada "Booked Up", cujos quatro prédios dominam a pequenina cidade de Archer City, no Texas. Aos 76 anos de idade, o famoso autor disse ter decidido vender 300 mil volumes num leilão de dois dias que terminará no sábado porque eles seriam um "fardo enorme" para seus herdeiros.

Siga o iG Cultura no Twitter

Com o leilão em andamento, McMurtry, que escreveu "Laços de Ternura", "A Última Sessão de Cinema", e mais de 20 outros romances, além de grandes roteiros como "Brokeback Mountain" e muitos trabalhos de não-ficção, disse que parou de escrever ficção.

"Eu acho que tive cerca de 20 bons anos", disse o vencedor do prêmio Pulitzer de ficção em 1986 por "Lonesome Dove". "Escritores não ficam melhores conforme envelhecem, eles ficam piores. Cinquenta é normalmente o ponto de parada."

À medida que a multidão se acumulava para o início do leilão na sexta-feira (dia 10), Eric Papenfuse, que junto com sua mulher, Catherine Lawrence, é proprietário da livraria Midtown Scholar em Harrisburg, na Pensilvânia, disse que pretendia alugar um trator-reboque, se necessário, para levar o seu carregamento até sua cidade desse pequeno município a aproximadamente 140 milhas (224 quilômetros) ao norte de Dalas, Texas.

Entre os itens a serem leiloados, havia "the McMurtry 101", livros ou trabalhos que o autor considera especial por suas próprias razões, não necessariamente porque eles são mais raros ou valiosos do que os outros. McMurtry ficou decepcionado de saber que um deles, "The Bounty Hunter", foi vendido por apenas US$ 850 dólares. McMurtry disse que pagou US$ 1.200 por ele.

McMurtry cresceu fora de Archer City, agora uma cidade com cerca de 1.900 habitantes.

Apesar de colecionadores de livros usados e negociantes fazerem peregrinações para "Booked Up", o leilão causou uma agitação em Archer City, onde a voluntária Theresa Henry servia biscoitos e água em garrafa para os viajantes no centro de visitantes da cidade. "É animador ver companhia vindo para a cidade", disse ela.

    Leia tudo sobre: larry mcmurtryliteratura

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG