DC Comics revela que Lanterna Verde é gay

Personagem vira homossexual em nova revista da editora, que pretende rejuvenescer heróis antigos de seu catálogo

iG São Paulo |

Acabou o mistério. Depois de fazer suspense na semana passada , a DC Comics revelou nesta sexta-feira (1º) que Lanterna Verde é o personagem gay da editora. O herói vai assumir sua homossexualidade na edição número 2 da revista "Earth 2", que chega às bancas dos Estados Unidos na próxima quarta-feira (06) com The Flash na capa.

VEJA A HISTÓRIA VISUAL DO LANTERNA VERDE

Na enquete promovida pelo iG entre os internautas sobre quem seria o personagem gay, o Lanterna Verde aparecia em último lugar, com 2%. Na liderança, estavam Robin (44%), Batman (25%) e a Mulher-Maravilha (9%).

Deixe seu comentário no final da notícia

AP
Imagem da revista em quadrinhos "Earth 2", em que Alan Scott (esq), o Lanterna Verde, beija o namorado
Um dos heróis mais antigos da DC – sua primeira aparição nos quadrinhos ocorreu em 1940 –, o Lanterna Verde zela pela segurança do universo com os poderes de um anel alienígena, que permite a materialização do que seu detentor imaginar. O personagem já teve várias encarnações (Hal Jordan é provavelmente a mais conhecida), mas quem vai sair do armário é Alan Scott, o primeiro Lanterna Verde.

Leia também: Falta brilho ao Lanterna Verde no cinema, com Ryan Reynolds

A iniciativa faz parte do projeto "New 52", que pretende rejuvesnecer heróis antigos da DC. Originalmente casado e com filhos (um deles gay), Lanterna Verde aparece mais jovem em "Earth 2", o que apaga essa realidade alternativa.

Divulgação
Ilustração do Lanterna Verde em "Earth 2"
De acordo com o autor da nova série, James Robinson, não há uma introdução propriamente dita à homessexualidade. Líder da Liga da Justiça, Lanterna Verde aparece beijando naturalmente seu namorado na edição número 2 do gibi. Na sequência, o casal combina um final de semana romântico num hotel de luxo.

Siga o iG Cultura no Twitter

Em entrevista à MTV, Robin afirmou que, na verdade, a sexualidade não é tão importante assim para um personagem de quadrinhos, mas a decisão está relacionada à necessidade de manter uma relação com a realidade e a diversidade da raça humana. "Ter uma equipe sem que um de seus membros seja gay, levando-se em conta a percentagem de pessoas que são gays no mundo, não é realístico", disse ele.

"A única mudança é que ele tem uma sexualidade diferente, mas é uma pequena característica de quem ele é. Todo o resto permanece o mesmo, o cara heróico que sempre conhecemos", acrescentou o autor. "Mas quando vermos sua vida pessoal, e focarmos em um romance, será com um homem."

VEJA A HISTÓRIA VISUAL DO LANTERNA VERDE

O Lanterna Verde não é o único personagem gay nos quadrinhos atuais. No universo Marvel, o mutante Northstar , um dos integrantes dos X-Men, aparecerá de joelhos para pedir a mão de seu antigo namorado. A Batwoman atual, Kate Kane, também é homossexual.

    Leia tudo sobre: lanterna verdedc comicsquadrinhoshq

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG