Finalistas do prêmio Portugal Telecom de Literatura são anunciados

Lista tem 60 livros nas categorias romance, conto ou crônica e poesia

iG São Paulo |

Divulgação
Rubens Figueiredo, vencedor do Portugal Telecom em 2011
A lista de concorrentes ao prêmio Portugal Telecom de Literatura foi anunciada na noite desta quarta-feira (dia 30). São 60 finalistas - 20 na categoria romance, 20 na categoria conto ou crônica e 20 na categoria poesia.

Dos 60 livros, 54 são brasileiros, seis são portugueses e 1 é de São Tomé e Príncipe. Entre os concorrentes, estão autores como Dalton Trevisan, Lygia Fagundes Telles e Luis Fernando Verissimo.

Siga o iG Cultura no Twitter

Na próxima etapa do prêmio, o júri elegerá 12 finalistas entre os 60 classificados, sendo quatro livros de cada categoria. Na última etapa, será escolhido o campeão de cada categoria e, entre eles, o ganhador geral.

O vencedor de cada uma das categorias ganha R$ 50 mil. Quem levar o prêmio geral ganha mais R$ 50 mil. No ano passado, o ganhador do Portugal Telecom foi o romance "O Passageiro do Fim do Dia", de Rubens Figueiredo .

Veja abaixo a lista de finalistas da edição 2012:

Romance
"A Maldição de Ondina", de António Cabrita (Associação Cultural Letra Selvagem)
"A Máquina de Fazer Espanhóis", de Valter Hugo Mãe (Cosac Naify)
"A Vendedora de Fósforos", de Adriana Lunardi (Rocco)
"Diário da Queda", de Michel Laub (Companhia das Letras)
"Dois Rios", de Tatiana Salem Levy (Record)
"Domingos sem Deus", de Luiz Ruffato (Record)
"Don Solidon", de Hélio Pólvora (Casarão do verbo)
"Habitante Irreal", de Paulo Scott (Alfaguara)
"Infâmia", de Ana Maria Machado (Alfaguara)
"K.", de Bernardo Kucinski (Expressão Popular)
"Meu Pseudônimo e Eu", de Marco Guimarães (Octavo)
"Minas do Ouro", de Frei Betto (Rocco)
"O Passeador", de Luciana Hidalgo (Rocco)
"O Senhor do Lado Esquerdo", de Alberto Mussa (Record)
"Perdição", de Luiz Vilela (Record)
"Poltrona 27", de Carlos Herculano Lopes (Record)
"Procura do Romance", de Julián Fuks (Record)
"Tapete do Silêncio", de Menalton Braff (Global)
"Uma Duas", de Eliane Brum (Leya)
"Vermelho Amargo", de Bartolomeu Campos de Queiróz (Cosac Naify)

Conto ou Crônica
"18 Crônicas e Mais Algumas", de Maria Rita Kehl (Boitempo Editorial)
"A Morena da Estação", de Ignácio de Loyola Brandão (Editora Moderna)
"A Palavra Ausente", de Marcelo Moutinho (Rocco)
"Amores Mínimos", de João Anzanello Carrascoza (Record)
"Axilas e Outras Histórias Indecorosas", de José Rubem Fonseca (Nova Fronteira)
"Borralheiro - Minha Viagem pela Casa", de Fabricio Carpinejar (Bertrand Brasil)
"Cantos do Mundo", de Evando Nascimento (Record)
"Certos Homens", de Ivan Angelo (Arquipélago Editorial)
"Crônicas do Mundo ao Revés", de Flávio Aguiar (Boitempo Editorial)
"Em Algum Lugar do Paraíso", de Luis Fernando Verissimo (Objetiva)
"Então Você Quer Ser Escritor?", de Miguel Sanches Neto (Record)
"Esse Inferno vai Acabar", de Humberto Werneck (Arquipélago Editorial)
"Histórias da Gravana", de Olinda Beja (Escrituras)
"Insubmissas Lágrimas de Mulheres", de Conceição Evaristo (Nandyala)
"Ler o Mundo", de Affonso Romano de Sant'Anna (Global)
"O Anão e a Ninfeta", de Dalton Trevisan (Record)
"O Escandinavo Deslumbrado", de Alberto Xavier (Gryphus)
"O Livro de Praga", de Sérgio Sant'Anna (Companhia das Letras)
"Passaporte para a China", de Lygia Fagundes Telles (Companhia das Letras)
"Vento Sul", de Vilma Arêas (Companhia das Letras)

Poesia
"A Fera Incompletude", de Fabrício Marques (Dobra Editorial)
"Alumbramentos", de Maria Lúcia Dal Farra (Iluminuras)
"Carpideiras", de Jussara Salazar (7Letras)
"Ciclopico Olho", de Horácio Costa (Annablume)
"Da Arte das Armadilhas", de Ana Martins Marques (Companhia das Letras)
"Escarpas", de Gastão Cruz (Móbile)
"Escritos em verbal de ave Manoel de Barros Leya
"Figurantes", Sérgio Medeiros (Iluminuras)
"Isto a que Falta um Nome", de Cláudio Neves (É Realizações)
"Junco", de Nuno Ramos (Iluminuras)
"O Metro Nenhum", de Francisco Alvim (Companhia das Letras)
"O Sol nas Feridas", de Ronaldo Cagiano (Dobra Editorial)
"Ofício de Sapateiro", de Carlos Newton Júnior (7Letras)
"Palavra na Berlinda", de Astrid Cabral (Ibis Libris)
"Roça Barroca", de Josely Vianna Baptista (Cosac Naify)
"Sísifo Desce a Montanha", de Affonso Romano de Sant'Anna (Rocco)
"Trans", de Age de Carvalho (Cosac Naify)
"Tríptico da Súplica", de João Rasteiro (Escrituras)
"Uma Cerveja no Dilúvio", de Afonso Henriques Neto (7Letras)
"Vesuvio", de Zulmira Tavares (Companhia das Letras)

    Leia tudo sobre: Literaturalivrosprêmio Portugal Telecom

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG