Roteirista Grant Morrison diz que "Batman é muito gay"

Em entrevista à Playboy, autor de HQs revela suas opiniões sobre o herói e outros personagens

iG São Paulo |

Na edição de maio da revista Playboy o roteirista de histórias em quadrinhos Grant Morrison afirmou que o personagem "Batman é muito gay". O autor, que trabalha desde 2006 escrevendo histórias do homem morcego, disse que a base conceitual do herói é totalmente gays.

Siga o iG Cultura no Twitter

"Não estou dizendo isso da maneira pejorativa, mas o Batman é muito, muito gay. Não há como negar. Claro que como personagem de HQs ele é feito para ser heterossexual, mas seu conceito é gay. Acho que é por isso que as pessoas gostam tanto dele. Todas essas mulheres pulando por telhados em roupas fetichistas atrás dele e ele nem aí. Batman está mais interessado em sair com o velho e o menino."

O principal inimigo do herói, o Coringa, também foi alvo dos comentários de Morrison. "Ele é o perfeito oposto do Batman, por isso ele é tão ou mais sexy que o herói. Eu me identifico com ele, ao menos com a forma como eu o escrevo, que é feito um palhaço cósmico. Para mim ele é a primeira pessoa do século 21 que lida com o excesso de informação mudando totalmente sua personalidade. Quase gosto dele, por que ele é um pop star como David Bowie."

Sobre o vilão Magneto , dos X-Men, o autor mostrou satisfação ao torná-lo um drogado durante o período que escreveu sobre os mutantes (2001-2004). "Tive problemas com os fãs dos X-Men quando o transformei em um velho viciado em drogas. Ele tinha uma história como terrorista e eu quis mostrar quem ele realmente é. Chris Claremont [também roteirista de HQs] fez um ótimo trabalho ao reabilitá-lo como sobrevivente do Holocausto e um nobre anti-herói. E eu acabei com isso logo depois de 11 de setembro. Não há nada nobre no terrorismo."

Não foram apenas os personagens de gibis que Morrison abordou. Seus criadores foram descritos por ele como "aberrações". "O público esquece que os criadores de super-heróis são marginais. Nós somos pessoas que não se encaixam em uma sociedade normal."

    Leia tudo sobre: Grant Morrisonbatmanx-mencoringahistórias em quadrinhos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG