"Game of Thrones" volta com violência, sexo e dragões em nova temporada

Com estreia marcada para 01 de abril, série de fantasia medieval ganha novas locações e personagens

EFE com iG |

Com a ameaça de um longo inverno e de uma sangrenta guerra, a segunda temporada da série "Game of Thrones" chegará às telas em 01 de abril repleta de violência, sexo, disputas familiares e dragões.

A primeira temporada do programa, tida como o grande sucesso da emissora HBO em 2011, foi encerrada de maneira surpreendente: com seus criadores matando alguns dos principais protagonistas da trama.

Divulgação
A atriz britânica Emilia Clarke como Daenerys Targaryen em foto da segunda temporada de "Game of Thrones"
Depois de cativar milhões de espectadores com uma trama de fantasia medieval centrada na disputa das famílias Stark e Lannister, os novos episódios do seriado apresentam uma nova uma geração que decidirá o destino dos habitantes dos Sete Reinos.

"A história se expande de maneira incrível, com muitos personagens novos e localizações completamente diferentes" explicou David Benidoff, um dos dois criadores de "Game of Thrones", durante a apresentação da nova temporada em Londres.

Divulgação
Peter Dinklage como Tyrion Lannister: papel deu ao ator o Globo de Ouro de melhor ator coadjuvante
Baseada na saga literária do americano George R. R. Martin, "As Crônicas de Gelo e Fogo", a série conta, em um contexto medieval, a luta de diversas famílias reais para assumir o poder de um continente cujo os invernos, especialmente rigorosos, podem durar anos.

Siga o iG Cultura no Twitter

Apesar da imprensa ter tido acesso ao primeiro capítulo da segunda temporada no final de fevereiro, o rigoroso embargo que proibia a divulgação de qualquer detalhe ficou válido até esta segunda-feira (dia 19), quando começa a promoção nos Estados Unidos. No entanto, existe um mistério que é preservado pelos atores e, inclusive, pelos seguidores.

"Há uma espécie de contenção e cumplicidade entre as milhares de pessoas que já leram os livros e sabem o que vai acontecer. O fato é que é surpreendentemente difícil encontrar detalhes da série em fórum de internet", assinalou D.B Weiss, outro dos responsáveis pelo projeto.

Um dos personagens que volta com mais força e relevância na segunda temporada é Daenerys Targaryen, uma adolescente forçada por seu irmão a casar-se com o "rei" dos brutais dothrakis, tribo selvagem que vive fora dos Sete Reinos.

A atriz britânica Emilia Clarke, que interpreta a sensual jovem de cabelos loiros, explicou que Dany, depois de perder seu marido, "volta mais forte e mais poderosa, porém, segue sozinha na luta por sua sobrevivência".

Outra surpresa presente nesses dez novos episódios é o jovem bastardo Jon Snow, interpretado pelo inglês Kit Harrington, que depois de abandonar sua família, encontrará seu lugar nos gélidos territórios do norte, localizações que foram rodadas na Islândia em pleno inverno.

Divulgação
O ator Kit Harrington como Jon Snow: "Foi muito duro filmar essas cenas com 35 graus negativos"
"Foi muito duro filmar essas cenas com 35 graus negativos, além de ter que manusear essa espada com toda roupa por cima. Mas acho que foi o lugar mais lindo e romântico que já estive em minha vida", comentou o ator de 25 anos, que reconheceu estar "encantado" com o posto de "sex symbol" adquirido graças à série.

A equipe de "Game of Thrones", que conseguiu um Globo de Ouro , dois Prêmios Emmy e três Scream, voltou a viajar muito para rodar a nova temporada, já que os sets originais, na Irlanda do Norte e em Malta, foram somados com novas localizações, como Croácia e Islândia.

"É impressionante ver como uma série de televisão pode contar com uma produção tão impecável e episódios tão bem escritos. Os americanos estão ganhando terreno, e a televisão inglesa já não é a número um. Estão criando verdadeiras joias nos Estados Unidos", comentou em Londres o veterano ator inglês Charles Dance, que interpreta o patriarca da família Lannister.

null

Assim como ocorreu na primeira temporada, o elenco volta a contar com inúmeros atores britânicos e irlandeses devido ao acento de suas pronuncias, que, segundo seus criadores, é "muito mais convincente" para uma trama que se desenvolve na era medieval.

"Não imagino alguém dizendo 'My Lady' ou 'My Lorde' com um sotaque do Texas", apontou D.B Weiss, revelando que nos novos capítulos optou por usar menos ação para explicar melhor os personagens. A ideia é fazer com que o público "possa sofrer junto com eles as dificuldades encontradas nessa incrível viagem".

Diferentemente de 2011, a HBO Latin America anunciou que a nova temporada de "Game of Thrones" estreia no Brasil também em 1º de abril - mesmo dia que nos EUA.

    Leia tudo sobre: Game of Thronesseriado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG