Foto de afegã desfigurada ganha prêmio World Press Photo

Imagem de fotógrafa da revista Time mostra mulher com as orelhas e o nariz decepados

Reuters |

Reuters
O retrato premiado de Bibi Aisha feito por Jodi Bieber
O chocante retrato de uma afegã que teve as orelhas e o nariz decepados por seu ex-marido recebeu nesta sexta-feira, 11, o principal prêmio da organização World Press Photo. A imagem é de autoria de Jodi Bieber, da revista Time.

A moça retratada é Bibi Aisha, de 18 anos, que foi mutilada como punição por ter deixado a casa do seu marido, queixando-se da violência doméstica. Um comandante do Taliban na província de Oruzgan ordenou que ela fosse submetida à Justiça, e o marido dela cortou seu nariz e suas orelhas. Aisha hoje vive nos EUA, onde foi submetida a uma cirurgia restauradora.

"É uma imagem incrivelmente forte. Ela passa uma mensagem enormemente forte ao mundo, sobre os 50 por cento da população que são mulheres, muitas das quais ainda vivendo em condições miseráveis, sofrendo violências. É forte porque a mulher parece muito digna, icônica", disse Ruth Eichhorn, uma das juradas, em nota.

    Leia tudo sobre: fotografiaWorld Press Photojodi bieber

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG