Filha de Michael Jackson fará seu primeiro filme em 2012

Filmagens começam em janeiro, mas sem data para lançamento

EFE |

Getty Images
Filha de Michael Jackson estreia no cinema no filme "Lundon's Bridge and the Three Keys"
A filha de Michael Jackson, Paris, estreará no mundo do cinema com o filme infanto-juvenil "Lundon's Bridge and the Three Keys", mistura de animação e imagens reais, informou na sexta-feira (9) a edição digital da revista "People".

Siga o iG Cultura no Twitter

Paris Jackson, de 13 anos, dará vida a uma jovem que, segundo relata a publicação, sobrevive depois que é atacada por uma medusa em pleno oceano.

O longa-metragem, cujas filmagens começam em janeiro, mas que ainda não tem data para ser lançado, será o primeiro de uma saga baseada no personagem Lundon O'Malley, explicou o produtor do filme, Stephen Sobisky.

A franquia será baseada na série para adolescentes escrita por Dennis H. Christen. "Ela quer ser atriz", disse Sobisky sobre Paris. "Quer aproveitar o legado de seu pai e fazer algo bom pelo mundo, e nosso produto oferece isso", acrescentou.

Acesse o especial Michael Jackson

Segundo o produtor, metade do dinheiro arrecadado nas bilheterias e com a venda dos livros publicados com a imagem de Paris na capa será doado a diversas escolas.

Paris Jackson aparecerá como um personagem humano dentro de um universo repleto de seres animados, os quais terão vozes emprestadas de famosos como Larry King e sua esposa, Shawn.

"É uma menina doce e inteligente", apontou Sobisky. "Nosso objetivo é ter certeza que está bem fazendo algo que a manterá ocupada. Para mim será como uma das minhas filhas e vou protegê-la como faria com qualquer um dos meus três filhos", acrescentou.

Michael Jackson morreu em 25 de junho de 2009 vítima de uma intoxicação aguda de sedativos, especialmente do anestésico propofol. Seu médico pessoal, Conrad Murray, admitiu ter administrado o potente anestésico para ajudar o cantor a combater sua insônia. Após recente julgamento, Murray foi declarou culpado de homicídio culposo pela morte do artista e sentenciado a quatro anos de prisão.

    Leia tudo sobre: GENTE

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG