Força Tarefa " / Força Tarefa " /

Estreia hoje o seriado Na Forma da Lei

Escrito por Antonio Calmon, programa substitui Força Tarefa

AE |

Divulgação
Cena do seriado "Na Forma da Lei"
Com o fim da segunda temporada de "Força Tarefa", a rede Globo aposta em outra série para o fim das noites de terça-feira. "Na Forma da Lei", que estreia hoje, depois de "Casseta & Planeta Urgente!", traz, assim como "Força Tarefa", situações envolvendo policiais, mas o foco não é mais a corporação, e sim, o sistema judiciário e as relações políticas com o poder.

O programa de oito episódios começa com o assassinato de Eduardo (Thiago Fragoso), um estudante de Direito que é morto durante uma festa pelo ex-namorado da sua noiva, Ana Beatriz (Ana Paula Arósio). Além dela, quatro amigos do jovem presenciam o crime. O culpado, Maurício Viegas (Márcio Garcia), é filho de um político influente e consegue sair impune. Sete anos depois, os amigos, que agora ocupam cargos de destaque, se unem para tentar fazer justiça.

De autoria de Antônio Calmon, o texto tem uma estrutura similar à dos seriados americanos, cada capítulo tem começo, meio e fim e, ao mesmo tempo, dão continuidade à trama. "São oito crimes que esse grupo de amigos tenta desvendar. Simultaneamente, todos os acontecimentos estão ligados à saga da família Viegas", explica Calmon.

Conhecido por produções mais ensolaradas, como "Três Irmãs", "Começar de Novo" e "O Beijo do Vampiro", o autor revela que o projeto começou há quatro anos. "Fui à formatura de direito de um amigo. Um dos colegas de sala havia sido assassinado e, durante a celebração, eles dedicaram o evento ao rapaz. Foi muito comovente. Para dar corpo à trama, juntei a isso o surgimento nos últimos anos de jovens juízes, promotores e membros da OAB, que estão acabando com o privilégio de certas elites", explica.

A chance de punir Maurício começa com um novo crime envolvendo sua família. Logo que descobre o caso, Ademir, que é formado em direito, mas agora, trabalha como jornalista investigativo, liga para os amigos de faculdade. Passados sete anos desde a morte de Eduardo, Ana Beatriz é promotora. Célio (Leonardo Machado), juiz. Gabriela (Luana Piovani), delegada federal. E Edgar (Henri Castelli), um poderoso advogado. Com o auxílio dos meios legais, eles vão tentar deter o assassino, que, ao longo dos capítulos, deve matar mais de dez pessoas.

Responsável pela direção de núcleo do programa, Wolf Maya destaca o caráter contemporâneo da atração. "O Calmon foi muito hábil na estrutura do texto. O mundo inteiro está com olhar para esse estilo de seriado. É a tendência de uma época", afirma o diretor que é fã de séries, como "CSI" e "Law and Order".

Para compor o elenco, Wolf Maya entrou pessoalmente em contato com os atores com quem costuma trabalhar. "Liguei para amigos e eles foram aceitando. Assim, consegui a Ana Paula Arósio, a Luana Piovani e a Ângela Vieira", diz. Além do elenco fixo, cada episódio terá participações especiais, como Eva Wilma, Othon Bastos, Osmar Prado, Paulo José, Paulo Miklos e outros.

    Leia tudo sobre: Na Forma da Lei

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG