Ridley Scott exibe trecho de "Prometheus" em 3D em Paris

Pré-estreia do prelúdio de "Alien" na França contou com a presença de Noomi Rapace, Charlize Theron e Michael Fassbender

iG São Paulo com AFP |

Ridley Scott atiçou a curiosidade dos fãs ao apresentar em Paris, nesta quarta-feira (11) um trecho inédito de 10 minutos em 3D de seu novo filme, "Prometheus", em mais passo de uma elaborada campanha de promoção do diretor "Alien - O Oitavo Passageiro" (1979), que volta ao mundo da ficção científica depois de mais de três décadas.

Siga o iG Cultura no Twitter

Primeiramente concebido apenas como prelúdio à franquia "Alien", o novo projeto conta a história uma missão espacial em busca de uma civilização alienígena que supostamente possui a chave para as origens da humanidade.

Reuters
O diretor Ridley Scott, Charlize Theron, Noomi Rapace e Michael Fassbender em Paris
A primeira incursão de Scott pelo cinema em três dimensões é estrelada por Noomi Rapace (a Lisbeth Salander na versão sueca dos filmes da trilogia "Millenium"), Charlize Theron e Michael Fassbender.

Os fãs mais ansiosos tiveram até agora apenas um gostinho do que será o filme através de teasers, trailers e clipes virais divulgados desde o início do ano.

"Se você é uma pessoa voltada para o visual, o 3D é apenas outra cor na palheta", declarou Scott. "Mas também faz mergulhar no universo da história, mesmo nas cenas com diálogos."

O filme trabalha com o mito grego de Prometeus, punido pelos deuses por roubar o fogo e oferecê-lo ao homem, oferecendo uma metáfora para o uso ou o abuso da tecnologia pela sociedade.

Na trama, uma equipe de arqueólogos estuda pinturas e antigas inscrições numa caverna que indicam contatos passados com uma civilização alienígena, numa espécie de convite, como a personagem de Rapace coloca. Em 2094, cientistas são, então, enviados a bordo da nave espacial Prometheus para localizar o lar dos alienígenas, onde as coisas não saem exatamente como esperavam.

Scott disse que seu novo filme nasceu de uma questão deixada sem resposta pelo filme original e suas sequências: de onde o Alien veio?

"Mas, quando você está escrevendo, é um processo inteiramente orgânico, que gradualmente nos levou a quilômetros de distância do original 'Alien' e se transformou neste filme", concluiu Scott.

nullApesar de não ser novata a papeis difíceis depois de estrelar os três thrillers da saga "Millenium", Rapace declarou ter experimentado um novo território artístico com esse trabalho e elogiou a forma de dirigir de Scott. Uma sequência em particular, explicou, foi "muito perturbadora", como nada que tivesse feito antes.

"Foi realmente estressante, física e mentalmente", completou. "Mas nunca me senti abandonada. Eu estava correndo seminua, mas nunca me senti nua. Você estava comigo", afirmou a atriz, dirigindo-se ao diretor.

"Todos meus trabalhos envolvem mulheres determinadas... Elas são realmente muito fortes", explicou Ridley Scott. "Acho que isso provavelmente vem da minha mãe, que era baixinha, mas não dava folga para mim e meu irmão Tony Scott!".

"Prometheus" estreia no final de maio na Europa e dia 08 de junho nos Estados Unidos. O filme chega aos cinemas do Brasil uma semana depois, em 15 de junho.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG