É uma grande honra , diz John Lasseter sobre Leão de Ouro - Cinema - iG" /

É uma grande honra , diz John Lasseter sobre Leão de Ouro

VENEZA ¿ ¿Acho bem apropriado que uma companhia independente, que faz as coisas de forma diferente, que é devotada ao talento e se diverte com as ideias seja premiada¿, disse George Lucas, que participou do inicio da Pixar, ao entregar a John Lasseter o Leão de Ouro pela carreira, na tarde deste domingo (06) em Veneza.

Mariane Morisawa, enviada especial a Veneza |

AP
George Lucas celebra em Veneza o sucesso de bilheteria de "Up - Altas Aventuras"

Foi a primeira vez que uma empresa ganhou o prêmio. Ao lado de Lasseter, hoje chefe de criação tanto da Pixar quando da Walt Disney Animation, estavam os diretores Andrew Stanton, Pete Docter, Brad Bird e Lee Unkrich, que receberam cópias em miniatura do troféu. É uma grande honra receber esse troféu ao lado de meus melhores amigos e irmãos em criatividade. Nosso sonho é entreter públicos do mundo inteiro.

Na coletiva de imprensa, no início da tarde de domingo, Lasseter falou mais sobre o que move a todos na Pixar, fundada também por Steve Jobs, da Apple, e responsável por sucessos como Up ¿ Altas Aventuras, Monstros S.A., Ratatouille e Os Incríveis. Nós fazemos filmes para nós mesmos, filmes que gostamos de assistir. É sempre um equilíbrio de história e personagem. E queremos entreter adultos e crianças. Não queremos passar mensagem, disse. A qualidade é o melhor plano de negócios, completou.

AFP

John Lasseter segura o Leão de Ouro

Apesar do sucesso de público e crítica, Lasseter disse que este foi um ano especial para a Pixar ¿ o décimo filme da produtora, Up ¿ Altas Aventuras, teve a honra de abrir o Festival de Cannes em maio e agora foi a vez de ganhar o Leão de Ouro. É como se a gente tivesse entrado numa espaçonave e ido parar num mundo parecido com a Terra, mas onde a animação é finalmente reconhecida, tanto quanto nossos grande irmãos dos filmes de ficção com atores, afirmou.

Sobre o futuro, ele disse que é brilhante. Os diretores estão trabalhando na terceira aventura de Toy Story e numa sequencia de Carros. Todos nossos filmes são originais. Mas gostamos de sequências. Nossos objetivos são contar uma história envolvente, com personagens memoráveis e interessantes, mesmo os vilões. Depois de dois ou três anos trabalhando com um personagem, eles se tornam membros da família, amigos. Então é natural que procuremos outras historias com eles. Mas precisamos bolar uma trama que seja tão boa ou melhor que a original. Há duas sequências que nos balizam: O Poderoso Chefão 2 e O Império Contra-Ataca, que não só são tão boas quanto o original como fazem o filme original ficar ainda melhor, explicou Lasseter.

Além disso, a produtora lançará sua primeira animação protagonizada por uma personagem feminina. Acredito em grandes personagens femininos, mas somos um bando de homens. Estamos preparando um conto de fadas chamado The Bear and the Bow, dirigido pela Brenda Chapman, sobre uma princesa que não está à procura de seu príncipe, que vive na Escócia medieval e trata da relação de mãe e filha.

Na Walt Disney Animation, da qual também é chefe de criação, o plano é retomar a clássica animação desenhada a mão com The Princess and the Frog, a ser lançada no final do ano. Nós acreditamos nesse tipo de animação. Ela deixou de ser feita não porque ficou obsoleta com a animação digital, mas porque os filmes não eram bons.

Leia as últimas notícias do Festival de Veneza

    Leia tudo sobre: cinemafestival de venezapixar

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG