Filme de Guel Arraes já vai completar sua terceira semana em cartaz nos principais cinemas do país

“O Bem Amado” foi apresentado em noite de lotação máxima, no Brazilian Film Festival of Miami, na segunda-feira (16). Logo na entrada no Colony Theatre, no centro da cidade, uma imensa fila dobrava o quarteirão.

“Acho que a gente veio muito bem com o filme. Estreamos numa época de forte concorrência com os filmes americanos, que são as férias escolares. Viemos modestos, com 160 salas, mas estamos fazendo bonito nosso papel”, disse Paula, produtora do longa, pouco depois de apresentar o filme ao público americano.

Paula Lavigne prestigia o Brazilian Film Festival of Miami
Mariana Vianna/ Divulgação
Paula Lavigne prestigia o Brazilian Film Festival of Miami

Paula não para

A partir de agora, ela está trabalhando na captação de recursos para o seu próximo projeto, já filmado, “Reis e Ratos”. A novidade é que ela deixa de lado o colorido da obra Dias Gomes e embarca num tom

em preto e branco, já raro no cinema nacional. O porquê dessa escolha, ela explica rindo.

“Fizemos este filme com o que sobrou de cenário e de figurinos de 'O Bem Amado'. Para que o público não percebesse tanto este empréstimo, a gente optou por deixar tudo sem cor mesmo. Foi uma solução 'Sin City'”, disse ela, se referindo ao filme de Quentin Tarantino.

O repórter viajou a convite da organização do festival.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.