Longa de Roman Polanski conquistou seis troféus no European Film Awards

Em vídeo, Roman Polanski agradece prêmio de melhor diretor no European Film Awards
AFP
Em vídeo, Roman Polanski agradece prêmio de melhor diretor no European Film Awards
"O Escritor Fantasma", thriller político do cineasta franco-polonês Roman Polanski, recebeu seis prêmios neste sábado, entre eles o de melhor filme, na entrega do European Film Awards, o "Oscar" do cinema europeu, em cerimônia realizada na cidade de Tallinn, na Estônia.

Polanski ficou com os troféus de melhor diretor e melhor roteirista, e Ewan McGregor levou o de melhor ator pelo papel-título. O cineasta – que, assim como McGregor, não compareceu à festa – havia recebido o Urso de Prata de melhor diretor no Festival de Berlim, em fevereiro, pelo mesmo longa-metragem.

Os prêmios do cinema europeu foram criados em 1988, sendo concedidos anualmente pela Academia Europeia do Cinema.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.