Morre aos 70 anos o cineasta francês Claude Miller

Autor de obras como "Cidadão Sob Custódia" estava doente há vários meses; organização do Festival de Cannes lamentou sua morte

AFP |

AFP
O cineasta francês Claude Miller em foto de 2007
O cineasta francês Claude Miller morreu em Paris aos 70 anos, anunciou nesta quinta-feira uma das produtoras do diretor.

Siga o iG Cultura no Twitter

O autor de obras como "Cidadão Sob Custódia" e "Um Segredo de Família" estava doente há vários meses. "Morreu ontem à noite", anunciou a produtora "Les Films du 24".

"Dia de tristeza, Claude Miller morreu", comentou em sua conta no twitter o Festival de Cannes, onde Claude Miller recebeu o Prêmio Especial do Júri por "La Classe de Neige" em 1998.

Miller nasceu em 20 de fevereiro de 1942 em Paris e iniciou a carreira como assistente de uma das grandes figuras do cinema francês, o diretor Marcel Carné.

Dirigiu seu primeiro longa-metragem, "La meilleure façon de marcher", em 1976 e o primeiro grande sucesso veio em 1981 com "Cidadão Sob Custódia", que tem como protagonistas Lino Ventura e Michel Serrault. Em seguida dirigiu "Ronda Mortal".

Outros destaques de sua carreira são "L'effrontée", de 1985, e "Ladra e Sedutora", de 1988. Seu penúltimo filme, "Feliz que Minha Mãe Esteja Viva" (2009), foi exibido recentemente nos cinemas do Brasil.

    Leia tudo sobre: claude millercinema francês

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG