Julia Roberts é o par cinematográfico perfeito, afirma Tom Hanks

Ator elogia parceira em novo filme e diz que ela o fez dar o melhor de si nas filmagens

EFE |

Divulgação
Tom Hanks e Julia Roberts em "Larry Crowne - O Amor Está de Volta"
O ator americano Tom Hanks declarou nesta quarta-feira (6) que Julia Roberts, com quem trabalha em "Larry Crowne - O Amor Está de Volta", é a melhor atriz e o par cinematográfico perfeito que o fez dar o melhor de si durante as gravações.

Em entrevista concedida a vários veículos de comunicação franceses por ocasião da estreia do filme no Japão, Hanks, de 54 anos, afirmou ter escrito o papel especialmente para Julia, com quem já tinha trabalhado em "Jogos do Poder" (2007), de Mike Nichols.

"Ela e eu temos as mesmas prioridades, tanto na vida quanto no estúdio. Acho que, por isso, há tanta química entre nós", declarou o ator ao jornal "Le Figaro", ao qual revelou ainda que junto a Julia se deu conta de pode dar o melhor de si.

"Larry Crowne - O Amor Está de Volta" narra a história de um homem de 50 anos que perde de um dia para outro seu trabalho e sua casa e, apesar de tudo, decide reinventar sua vida e voltar a estudar para completar sua formação acadêmica. É na sala de aula que ele conhece e se apaixona por Mercedes Tainot, interpretada por Julia, uma professora da universidade desiludida com seu trabalho e com seu casamento.

Hanks revelou que se identificou com o otimismo de seu personagem: "Se tenho algo em comum com ele é isso. Eu me levanto e a cada manhã me pergunto como posso aproveitar o dia da melhor maneira possível". Além de atuar no filme, Hanks foi o roteirista ao lado da canadense Nia Vardalos, conhecida por escrever, dirigir e protagonizar "Casamento Grego" (2002).

    Leia tudo sobre: tom hanksjulia robertslarry crowne

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG